Johnny Hooker retorna a Salvador com show da turnê “Coração”

Música, No Circuito
26 de abril de 2019
por Genilson Coutinho

Em clima de despedida da turnê de seu segundo álbum, “Coração”, o pernambucano Johnny Hooker se apresenta na capital baiana dia 24 de maio, no Largo Tereza Batista (Pelourinho), às 21h. A abertura fica por conta da festa Batekoo. Ingressos à venda no Sympla.

 No repertório, sucessos como “Flutua”, “Corpo Fechado” e “Caetano Veloso”, além dos hits “Volta”, “Amor Marginal” e “Alma Sebosa”, do seu primeiro disco, “Eu Vou Fazer uma Macumba pra Te Amarrar, Maldito!”. Depois de Salvador, o artista ainda passa por mais seis cidades e encerra a turnê em Lisboa (Portugal), dia 06 de julho.

 Lançado em 2017, “Coração” mistura ritmos brasileiros, como samba, brega, frevo, guitarrada e axé, numa reafirmação identitária do próprio país. O álbum toma uma guinada entre o Tropicalismo e o Blue-eyed Soul Americano, “como se o ‘Cinema Transcendental’, de Caetano Veloso, e o ‘Young Americans’, de David Bowie, tivessem um filho no Recife”, define Johnny. A turnê já reuniu mais de 100 mil espectadores, em 60 apresentações pelo Brasil, Portugal, Espanha e Alemanha.

 A abertura e encerramento da noite ficam por conta da festa Batekoo: “um movimento que se expressa através da dança, da música, da pele preta, suor, da liberdade corporal e sexual, da cultura negra, periférica e urbana”, como o próprio coletivo baiano se define. No set list, funk, hip-hop, trap, kuduro e dancehall em uma seleção 100% composta por artistas negros.

 Letras afiadas

“Uma mulher em fúria no corpo de um homem com os olhos marejados de lágrimas”, como se autodefine, Johnny Hooker foi nomeado campeão da igualdade da campanha da ONU Livres & Iguais no Brasil, ano passado, por sua trajetória pessoal como homem gay, jovem e nordestino, e o seu posicionamento público a partir das suas composições, que combatem estereótipos e dão visibilidade à população de lésbicas, gays, bissexuais, travestis, pessoas trans e intersexo (LGBTI).

 Em seu trabalho de estreia, recebeu o Prêmio da Música Brasileira de Melhor Cantor e o álbum foi eleito pela Revista Rolling Stone como um dos melhores do ano (2015). Já “Coração” foi indicado a Melhor Álbum na categoria Canção Popular no Prêmio da Música Brasileira 2018, e ganhou Melhor Clipe do Ano MTV, por votação popular, com “Flutua”.

 Serviço:

Johnny Hooker – show de despedida da turnê “Coração”

Abertura e encerramento: Batekoo

Data: 24 de maio (sexta-feira)

Local: Largo Tereza Batista (Rua Gregório de Matos, 06 – Pelourinho)

Horário: 21h (abertura dos portões às 20h)

Ingressos: R$ 100 / R$ 50 – 3º Lote (1º e 2 º lotes esgotados)

Vendas: Sympla (https://bit.ly/2IFjaKd)