Homens chantageiam casado que encontraram no Grindr

Comportamento, Social
22 de agosto de 2015
por Genilson Coutinho

grad

Dois homens foram condenados após chantagearem um usuário casado do famoso aplicativo Grindr na Inglaterra.

Daniel Edwards, de 29 anos, e Kristofer Wagner, de 30, salvaram mensagens que o homem enviou e exigiram dinheiro para que não as mostrassem à mulher da vítima.

O homem chegou a dar aos criminosos 1.500 libras (cerca de R$ 8.200). A Justiça tratou o caso como crime de ódio homofóbico.

Edwards foi sentenciado dois anos e 10 meses de prisão e Wagner, a um ano e oito meses. “Este caso mostra que a homofobia pode existir mesmo em uma situação onde menos se espera”, disse a promotora Kate Lewis.

“Nós consideramos o caso como um crime de ódio homofóbico por causa da percepção de que os réus foram motivados pela hostilidade para com a vítima por causa de sua sexualidade”, explicou.Com informações do Parou Tudo.