George Clooney pede boicote aos hotéis do sultão de Brunei após criação de leis contra os LGBTQ +

Notícias
31 de março de 2019
por Genilson Coutinho

O ator George Clooney divulgou um pedido de  boicote aos hotéis que pertencem ao sultão de Brunei, após a criação de leis severas  contra a comunidade LGBT+.

“São bons hotéis. As pessoas que trabalham neles são gentis e prestativas e não têm nada a ver com a posse dessas propriedades. Mas vamos ser claros. Cada vez que que nos hospedamos ou temos reuniões ou jantamos em um desses nove hotéis, estamos colocando dinheiro diretamente nos bolsos de homens que escolherm apedrejar e chicotear até a motre seus próprios cidadãos por serem gays ou acusados de adultério”, escreveu o ator, citando outros hotéis em lugares como Milão, Paris e Londres

Leia a carta na íntegra:

“A data de 3 de abril temealizou um lugar único em nossa história ao longo dos anos. Teólogos e astrônomos lhe dirão que Cristo foi crucificado naquela data. Em 3 de abril, Harry Truman assinou o Plano Marshall, possivelmente a maior intervenção do pós-guerra na história do homem. A primeira chamada de celular portátil foi feita em 3 de abril. Marlon Brando nasceu naquele dia. Mas este dia 3 de abril terá seu próprio lugar na história.

Neste dia 3 de abril em particular, a nação de Brunei começará a apedrejar e chicotear até à morte qualquer um dos seus cidadãos que comprovamente gays. Pense nisso. No ataque de notícias em que vemos o mudno retrocedendo para o autoritarismo, isso se destaca.

 Brunei não é um país significativo. Sua população é inferior a 500 mil pessoas, muito pequena em relação à maioria de seus vizinhos, Filipinas, Malásia, Indonésia. Mas Brunei tem petróleo. Este ano foi classificado como a 5ª nação mais rica da Forbes. Bom para eles. É claro que eles não tiveram uma eleição desde 1962 e adotaram a versão mais radical da Sharia, então isso não é bom para eles. Na cabeça de tudo isso está o sultão de Brunei, que é um dos homens mais ricos do mundo. O Grande Kahuna. Ele é dono da Agência de Investimento Brunei e eles, por sua vez, possuem alguns hotéis espetaculares.

Há alguns anos, dois desses hotéis em Los Angeles, The Bel-Air e The Beverly Hills Hotel foram boicotados por muitos de nós pelo tratamento dado por Brunei à comunidade gay. Foi eficaz até certo ponto. Cancelamos um grande evento de arrecadação de fundos para a Motion Picture Retirement Home (um lar para atores em situações de riscos) que hospedamos no Beverly Hills Hotel durante anos. Muitas pessoas e empresas fizeram o mesmo. Mas, como todas as boas intenções, quando o calor da indignação passa para as outras centenas de razões para ficar indignado, o foco diminui e, lentamente, esses hotéis voltaram a esse tipo de negócio. E a Agência de Investimento de Brunei conta com isso. Eles possuem nove dos hotéis mais exclusivos do mundo. Divulgação completa:  eu fiquei em muitos deles, alguns deles recentemente, porque eu não fiz minha lição de casa e não sabia quem era o dono deles.

“São bons hotéis. As pessoas que trabalham neles são gentis e prestativos e não tem nada a ver com a posse dessas propriedades. Mas vamos ser claros. cada vez que que nos hospedamos ou temos reuniões ou jantamos em um desses nove hotéis, estamos colocando dinheiro diretamento nos bolsos de homens que escolherm apedrejar e chicotear até a motre seus próprios cidadãos por serem gays ou acusados de adultério. Brunei é uma monarquia e certamente qualquer boicote teria pouco efeito em mudar essas leis. Mas nós realmente vamos ajudar a pagar por essas violações dos direitos humanos? Nós realmente vamos ajudar a financiar o assassinato de cidadãos inocentes? Eu aprendi ao longo de anos lidando com regimes assassinos que você não pode envergonhá-los. Mas você pode envergonhar os bancos, os financiadores e as instituições que fazem negócios com eles e escolhem  olhar para o outro lado.

Abaixo eu listei os nove hotéis. Cade a cada um de nós decidir o que queremos fazer.

George Clooney

The Dorchester, London
45 Park Lane, London
Coworth Park, UK
The Beverly Hills Hotel, Beverly Hills
Hotel Bel-Air, Los Angeles
Le Meurice, Paris
Hotel Plaza Athenee, Paris
Hotel Eden, Rome
Hotel Principe di Savoia, Milan”