Gays são reconhecidos por seus trabalhos em prol da causa LGBT

Genilson Coutinho,
04/05/2011 | 15h05

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Militantes indicaram os 10 gays mais influentes do Brasil em 2010 por seus trabalhos e lutas em prol da comunidade LGBT.

Confira a lista

Toni Reis

Paranaense, presidente da ABGLT (Associação Brasileira de Gays, Lésbicas e Transgêneros);

Luiz Mott

Paulista radicado em Salvador, antropólogo, decano do movimento gay e fundador do Grupo Gay da Bahia (GGB);

Deputado Jean Wyllys

Baiano, único parlamentar gay assumido do Congresso Federal, professor e vencedor do programa BBB5;

André Almada

Paulista, empresário da noite, sócio do clube The Week;

Hugo Gloss

Twitteiro gay carioca que virou um dos brasileiros mais seguidos no Twitter;

Evandro Santo

Mineiro, humorista dos programas Pânico na TV, e dos programas de rádio Pânico e Missão Impossível (Rádio Jovem Pan);

Andre Fischer

Carioca radicado em São Paulo, fundador e sócio do grupo Mix Brasil (site Mix Brasil, revista Junior, Concurso Mr. Gay e Festival Mix Brasil da Diversidade Sexual);

Carlos Tufvesson

Estilista e ativista carioca, atualmente na Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual da Prefeitura do Rio de Janeiro

Dicesar Ferreira

Maquiador paranaense e participante do BBB10, também conhecido por seu personagem, a drag queen Dimmy Kieer

Leão Lobo

Paulistano, jornalista, crítico e comentarista de TV.

Foto: Reprodução