“Foi-se o amor da minha vida”, diz Adriana Calcanhotto sobre morte de Suzana de Moraes

Comportamento, Social
28 de janeiro de 2015
por Genilson Coutinho

adriana

A cantora Adriana Calcanhotto, que perdeu a companheira Susana de Moraes nesta terça-feira (27), se pronunciou sobre a morte da cineasta, com quem viveu durante 26 anos.

“Fui a mulher mais feliz do mundo nestes 26 anos em que estive com ela. Uma grande mulher, inteligente, engraçada, culta, amiga dos amigos, que teve uma vida extraordinária, e que viveu cada segundo como nunca mais. Morreu de mãos dadas comigo. Foi-se o amor da minha vida”, disse.
Filha mais velha de Vinicius de Moraes, Suzana de Moraes morreu nesta terça-feira com quadro de infecção respiratória em decorrência de um câncer de endométrio. Ela estava internada no Rio de Janeiro desde o dia 5 de janeiro.

O velório e a cremação do corpo serão no Memorial do Carmo, no Caju, Zona Portuário do Rio de Janeiro.

Como atriz, Suzana participou de produções como “O Gigante da América” (1978), de Júlio Bressane, e “Véu de Noiva” (1969), exibida pela Rede Globo. Já como diretora, assumiu os shows “Adriana Partimpim Ao Vivo” e “Adriana Calcanhoto – Público”, de sua parceira.

Em entrevista ao programa Mais Você, em setembro do ano passado, Adriana falou sobre a doença da mulher. “Dou muita força a ela diariamente. Ela está bem, está melhor”, disse a cantora. Adriana e Suzana estão juntas há 25 anos e oficializaram a união civil, no Rio de Janeiro. Ela recebeu os parabéns da apresentadora, que desejou melhoras para a cineasta. Com informações do Oglobo.