Festival de música Negra do Ilê Aiyê divulga vencedores

Música
29 de dezembro de 2014
por Genilson Coutinho

Ilê Aiyê - Divulgação

Foram escolhidas, no último sábado, as seis canções vencedoras do 41º Festival de Música Negra do Ilê Aiyê. O concurso, que foi dividido em Tema e Poesia, premiou três composições de cada categoria. “Na categoria Tema, exigimos que a composição estivesse ligada diretamente ao tema do carnaval que, em 2015, será: Diáspora Africana – Jamaica – Afrodescendentes. Já quem concorreu em Poesia, deixamos mais livres desde que escolhessem algo relacionado ao Ilê ou às questões de Negritude”, informou Sandro Telles, coordenador musical do Ilê Aiyê.

Entre as 16 canções que levaram o troféu para casa, Genocídio à Terra Natal, com composição de Sandro Boa Morte, ficou em 1º lugar na categoria Tema, valendo R$ 3.600 na premiação. Força de Libertação, composta por Dico e Gabi Guedes, e Força Umbilical (Curuzú Kingston), de Odé Rufino e Tica Mahatma, ficaram em 2º e 3º colocados, respectivamente, na mesma categoria, levando R$ 3.000 e R$ 2.500.

Já na categoria Poesia, o 1º lugar ficou com a música Presente de Mãe, com autoria de Jeziel Teixeira e Dito Martins, que levaram R$ 3.000,00. O compositor Zenilton Ferraz, ganhador do segundo lugar, levou R$ 2.500 com a canção Deusa Negra do Ilê. A terceira colocação da categoria, com o prêmio de R$ 2.000, ficou com Meu orgulho é você Ilê, composta por Marito Lima e Milton Boquinha.

“Além da premiação em dinheiro, todos os vencedores ganharam um par de fantasias para desfilar no Carnaval com o Ilê e o troféu Pássaro Preto, em homenagem à César Maravilha, primeiro cantor do Ilê. Sem contar que as canções serão incluídas nas apresentações do Ilê Aiyê a partir de janeiro”, declarou Telles.

As seis músicas selecionadas foram votadas por um júri formado por Mário Pam, regente da Band’Aiyê; Juarez Mesquita, da ala de canto do Mais Belo dos Belos; pela cantora e compositora Juliana Ribeiro; com a participação de Osvalrízio do Espírito Santo e Mundão, diretor e designer do Ilê respectivamente.

 

CATEGORIA TEMA

1º) Genocídio à Terra Natal (Sandro Boa Morte)

2º) Força de Libertação, (Dico e Gabi Guedes)

3º) Força Umbilical (Curuzú Kingston) (Odé Rufino e Tica Mahatma)

 

CATEGORIA POESIA

1º) Presente de Mãe (Jeziel Teixeira e Dito Martins)

2º) Deusa Negra do Ilê (Zenilton Ferraz)

3º) Meu orgulho é você Ilê (Marito Lima e Milton Boquinha)