Espetáculos indicados ao Prêmio Braskem de Teatro voltam a cartaz em mostra especial

Teatro
3 de março de 2015
por Genilson Coutinho

Os expectadores que não conseguiram assistir as peças que concorrem ao Prêmio Braskem de Teatro 2014 terão uma nova oportunidade. De 18 de março a 5 de abril, a Mostra Prêmio Braskem de Teatro trará de volta a cartaz os nove espetáculos indicados a mais tradicional premiação das artes cênicas baianas. Os espetáculos serão encenados quatro vezes cada, em nove teatros e espaços culturais de Salvador. Fazem parte da Mostra Prêmio Braskem de Teatro, organizada pela Caderno 2 Produções Artística e patrocinada pela Braskem e Governo do Estado, através do FazCultura, as peças: As ConfrariasBartolomeusCompadre de OgumExu – A Boca do UniversoO Bonde dos RatinhosO Circo de Só LerPara o Menino Bolha, PUMM – Por Um Mundo Melhor e Quarteto. Os ingressos custarão R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

“Ao patrocinar a Mostra Prêmio Braskem de Teatro, a Braskem, através do Fazcultura, amplifica as ações de fomento as artes cênicas, que tem como destaque a premiação anual, que já é reconhecida e aguardada pela classe artística baiana”, ressalta Emmanuel Lacerda, gerente de Reações Institucionais da Braskem na Bahia. A cerimônia de entrega dos troféus do Prêmio Braskem de Teatro será realizada no dia 14 de abril, no palco principal do Teatro Castro Alves, em Salvador.

 

Sobre o PBT

O Prêmio Braskem de Teatro (PBT), que é coordenado pela Caderno 2 Produções Artísticas, é um evento tradicional já consolidado no cenário cultural da Bahia e tem o objetivo de valorizar, reconhecer e premiar a produção teatral do estado, abrindo espaço para o surgimento de novos talentos. A premiação, que em 2015 completa 22 anos de existência, surgiu como parte da Política de Responsabilidade Social da Braskem, que define como foco de sua atuação a inclusão social, a educação ambiental e promoção cultural com a finalidade de estabelecer as bases da consciência cidadã e estimular o crescimento sustentável.

 

Confira programação completa da Mostra Prêmio Braskem de Teatro

 

EspetáculoAs Confrarias

Local: Teatro Martins Gonçalves

Data: de 20 a 22 de Março

Horários: sexta e domingo, às 19h30 e sábado sessões às 16h e às 19h30

Sinopse: De Jorge Andrade, As Confrarias, situa-se em fins do século XVIII, focalizando, de um ângulo incomum, a Conspiração Mineira. O enredo aborda um tema recorrente da dramaturgia de Jorge Andrade: a morte sem sepultura.

 

EspetáculoBartolomeus

Local: Teatro SESC Pelourinho

Data: de 18 a 21 de março

Horário: Às 17h

Sinopse: Nordeste brasileiro e norte de Portugal viram um só mundo na trama “Bartolomeus”.  O espetáculo é dirigido pelo espanhol Moncho Rodriguez (Caetana) e encenado pelos atores brasileiros João Guisande (A Capivara Selvagem), Daniel Calibam (Amor Barato) e Danilo Cairo (Outra Tempestade). Bartolomeus é um brincante que traz a cena a força da cultura popular com a influência das tradições ibéricas e nordestinas, é um personagem interpretado pelos três atores. Na espera do terceiro sinal pra começar a peça, ele entra num intenso diálogo com o público e começa a contar sua história, de onde veio, e se questionar o que fazemos ali e o que de fato esperamos.

 

EspetáculoPUMM – Por Um Mundo Melhor

Local: Teatro Eva Hetz

Data: 21 e 22 de março

Horários: Sessões às 14h e 16h

Sinopse: Bá, Cassius Kbeça, Marquinho e Talisco são os codinomes que Maira Lins, Cassius Cardozo, Marcos Clement e Talis Castro usam ao chegar no QG do PUMM. Lá eles se encontram com o público e pedem ajuda para voltar a serem crianças, pois acreditam que elas têm mais poder que os adultos para transformar o mundo. A partir daí, misturando música, brincadeira, teatro e poesia, os interpretes dão espaços às suas crianças interiores e criam, através da ludicidade, uma comunicação direta com a criançada.

 

EspetáculoO Bonde dos Ratinhos

Local: Teatro Vila Velha

Data: 21 e 22 de março

Horários: Sessões às 11h e às 16h

Sinopse: Dirigida por Zeca de Abreu, a peça infantil narra a história de três ratinhos que, em busca de diversão, decidem fazer um “rolezinho” no shopping center. Ao chegarem no centro comercial, começam logo a festa, mas são expulsos por ratos-seguranças, que dizem que shopping não é lugar para ratos. Revoltados com o tratamento dado pelos seus “semelhantes”, o trio decide voltar pra casa, mas acaba se perdendo e parando num laboratório, onde conhecem ratinhos utilizados em testes feitos pelos humanos. A partir daí, a missão dos três passa ser libertar as dezenas de ratinhos presos no laboratório.

 

EspetáculoQuarteto

Local: Teatro Castro Alves

Data: 23 e 24 de março

Horários: Sessões às 18h30 e às 21h

Sinopse: A peça Quarteto é inspirada no romance As ligações perigosas, de Chordelos de Laclos. Dois atores interpretam os quatro principais personagens Valmont, Merteuil, Volange e Tourveil, entre jogos de sedução, vinganças, destruições e prazeres. Merteuil e Valmont são dois nobres franceses que levam a vida entre jogos de conquista e disputas amorosas. Volange, sobrinha de Merteuil, oferece sua virginal sobrinha a Valmont, tentando convencê-lo a não conquistar Tourveil, antigo desafeto de Merteuil. Todos se enredam nesse jogo que vai, interna ou externamente, destruindo cada um dos envolvidos nesse quarteto.

 

EspetáculoCompadre de Ogum

Local: Espaço Cultural da Barroquinha

Data: de 26 a 29 de março

Horário: às 19h

Sinopse: Compadre de Ogum, a história adaptada para esta encenação, é uma curta e divertida trama sobre a convivência de credos e diversidade étnica em Salvador, mas também, uma história sobre o valor da amizade verdadeira. Seu maior conflito é protagonizado pelo biscateiro Massu das Sete Portas: um homem negro que, com a ajuda de amigos, organiza o batizado na igreja de seu filhinho branco e cujo padrinho é um orixá.

 

EspetáculoO Circo de Só Ler

Local: Teatro Jorge Amado

Data: 28 e 29 de março

Horários: Sessões às 11h e às 16h

Sinopse: O Circo de Só Ler é um musical que conta a história de um menino que vivia solto a brincar por aí, que gostava de ver televisão e de jogos no computador, mas que não sabia ler. Com a chegada deste circo diferente à sua cidade ele descobre que para ter a verdadeira liberdade precisa dar asas à sua imaginação. A trupe do circo, liderada por um Livro Encantado, serão seus orientadores nesta viagem pelo mundo mágico da leitura.

 

EspetáculoPara o Menino Bolha

Local: Teatro Módulo

Data: 28 e 29 de março

Horários: Sessões às 11h e às 16h

Sinopse: Duas crianças que não sabem fazer amigos e um dia se encontram através de uma Girafa. Esses e outros personagens fazem parte de Para o Menino-Bolha, novo espetáculo da escritora e diretora Paula Lice, voltado para crianças. A peça reafirma o interesse central de Paula Lice para o púbico infanto-juvenil, investindo em uma história que embaralha experimentação e ludicidade.

 

EspetáculoExu – A Boca do Universo

Local: Teatro Solar Boa Vista

Data: 4 e 5 de Abril

Horários: sessões às 17h e às 20h

Sinopse: “Exu – a boca do universo” é um espetáculo de celebração à vida. A peça narra sem compromisso cronológico momentos em que Exu se mostra diferente daquilo que tanto se pregou na cultura ocidental sobre o orixá que rege a comunicação e a liberdade no candomblé. Optando por uma dramaturgia músico-poética, pela encenação em um espaço aberto e por atores que se personificam sobre as diversas concepções do orixá Exu, o humano e o divino se entrelaçam na celebração à condição de estar vivo. Exu em suas várias facetas se mostra no espetáculo como alguém que valoriza o movimento da vida, do falar ao agir, do pensar ao sentir.