Espetáculo em homenagem a Elza Soares estreia neste fim de semana no Espaço Cultural da Barroquinha

No Circuito, Teatro
13 de agosto de 2017
por Genilson Coutinho

Se acaso vc chegasse 02

Comemorando 07 anos em cartaz, a montagem SE ACASO VOCÊ CHEGASSE – musical de Elísio Lopes Jr. em homenagem a Elza Soares, sob a direção de Antônio Marques, volta em cartaz a partir deste sábado, 12 de agosto às 19h no Espaço Cultural da Barroquinha.

Se Acaso Você Chegasse mostra as diversas facetas que a cantora teve que assumir ao longo da sua trajetória e presta homenagem para a artista que, hoje, é reconhecida como uma grande intérprete da Música Popular Brasileira (MPB). O espetáculo é construído de uma maneira envolvente: entrecortada por canções do repertório da cantora, a peça traz a atuação de quatro atrizes: Denise Correia, Lívia França, Josi Varjão e Clara Paixão, que vivem diversos momentos da biografia da artista.

Elísio Lopes Jr. constrói um mosaico de acontecimentos da vida de Elza Soares, entrecortado por canções do repertório da cantora, interpretados, sobretudo, pelas atrizes da montagem. Filha de um operário e uma lavadeira, a cantora desde cedo traçou seu caminho e enfrentou as adversidades com muita propriedade e coragem. Entre uma infância marcada pela gravidez, casamentos precoces e até mesmo a perda de um filho, dentre os nove que criou, Elza teve a necessidade de desempenhar diversos papeis no percurso da vida. A peça recria justamente a época em que a ‘Elza’ no singular não existia e, a partir daí, vai construindo uma narrativa que se baseia na trajetória da estrela. O resultado é uma obra rica em detalhes que leva o espectador a se colocar no lugar da cantora e a refletir sobre certas atitudes tomadas ao longo da vida.

O autor, inspirado pela biografia da cantora, retrata acontecimentos de grande relevância para conceber no palco a essência dessa grande mulher, ícone de força e sobrevivência, como a infância marcada por gravidez e casamentos precoces, a oportunidade de cantar em um programa de rádio, a perda de um filho, dentre os nove que teve os desencontros amorosos e, porque não, o encontro dela consigo mesma. No entanto, mais do que mostrar facetas da história de uma grande intérprete da Música Popular Brasileira, a peça instiga o espectador a refletir sobre a seguinte questão: e se você fosse a Elza Soares?

 SERVIÇO

O quê: espetáculo “Se Acaso Você Chegasse – uma homenagem à Elza Soares”.

Quando:  12 a 27 de agosto (sábados e domingos).

Horário: 19h.

Local: Espaço Cultural da Barroquinha

Valor: Os ingressos ficam por R$ 20 (Inteira) e R$ 10 (meia)

Informações: (71) 98846-1928/  99269-8274

Vendas: No local ou pelo site: www.sympla.com.br