Escritora Camille Paglia é convidada para 12ª Parada Gay de Salvador

Genilson Coutinho,
09/07/2013 | 09h07

Amiga da cantora  Daniela Mercury, que será a madrinha da 12ª Parada Gay da Bahia, a escritora americana Camille Paglia está sendo convidada, pelo Grupo Gay da Bahia (GGB), para vir à cidade, participar da festa. A ideia é que ela faça uma palestra, na Ufba, durante a Semana da Diversidade (entre 2 e 8 de setembro), sobre o tema Sexo, Arte e Cultura: Desafios do Século. Em tempo: a convite de Daniela, a professora da Universidade das Artes da Filadélfia veio a Salvador no Carnaval de 2009 e subiu no trio da Rainha. A experiência renderá um livro, que ela escreverá em parceria com o historiador baiano Gunter Axt.

Uma semana antes da Parada Gay, maratonistas vão participar de uma prova, percorrendo o mesmo circuito do grande desfile, marcado para o dia 8 de setembro. No dia 1º, um domingo, acontece a I Maratona da Diversidade de Salvador. A largada, pela manhã, será no Campo Grande, para onde os participantes voltarão, depois de cumprir o roteiro: Mercês, Piedade, São Bento, Praça Castro Alves, Carlos Gomes… “Vai ser o esquenta da Parada”, diz Marcelo Cerqueira, presidente do Grupo Gay da Bahia. Ele calcula que 800 pessoas devam participar da competição.