Eriberto Leão estreia nesta sexta-feira (23) musical sobre Jim Morrison em Salvador

No Circuito, Teatro
22 de setembro de 2016
por Genilson Coutinho

Eriberto Leão apresenta espetáculo que homenageia Jim Morrison em Salvador (Foto: Divulgação)

O Catálogo Brasileiro de Teatro traz mais um espetáculo para Salvador, desta vez com o ator Eriberto Leão como rosto principal. O musical ‘JIM’ estará em cartaz na cidade nos dias 23, 24 e 25 de setembro, no Teatro ISBA.

Baseado no legado poético e simbólico deixado pelo vocalista do The Doors, Jim Morrison, a peça conta com texto de Walter Daguerre, direção de Paulo de Moraes e tem Eriberto e atriz Renata Guida, acompanhados de 3 músicos tocando ao vivo 11 canções clássicas do The Doors como ‘Light myfire’ e ‘The End’, cantadas ao vivo por Eriberto.

Dois Terços no  Facebook

SERVIÇO:

23, 24  e 25 de Setembro

Local: Teatro ISBA

Horário: Sexta e Sábado – 21h | Domingo – 20h

Telefone: (71) 4009.3622

VALORES

Sexta: R$ 70,00 inteira / R$ 35,00 meia

Sábado: R$ 80,00 inteira / R$ 40,00 meia

Domingo: R$ 70,00 inteira / R$ 35,00 meia

VENDAS

Bilheteria do Teatro: (71) 4009-3622 (Terça a Domingo das 14h às 20h)

Pela internet: compreingressos.com/catalogodeteatro

Por telefone: (71) 2626.0032

  • Marcelo Correa Ramos

    Eu mereço ir, porque amo o trabalha do Eriberto Leão! Acompanho a carreira dele há tempos pela TV, desde O Amor está no ar, na Globo. E Jim Morrison e o The Doors é uma das bandas de rock mais influentes do século passado! Esse musical vai ser babado!!!

  • Graziela Miranda Neri

    É impossível não querer ir a esse espetáculo. Adoro The doors, suas musicas fizeram parte de importantes momentos de minha vida, adoro o trabalho do Eriberto, além de eu achar ele um gato. Ele é perfeito para interpretar Jim. É por isso que mereço assistir esse musical, vai ser o máximo. De dedos cruzados para que eu ganhe.

  • Rafael dos Anjos

    Eu mereço ser convidado, porque além de acompanhar o trabalho do Eriberto, tenho lembranças marcantes da adolescência ao som do The Doors e a força de Jim Morrison e sua poesia. Um musical com esse legado é imperdível.