Drag queen brasileira faz sucesso no ‘The voice’ da Irlanda e encanta jurados em audição às cegas

Notícias
13 de janeiro de 2016
por Genilson Coutinho

Fui ao banheiro sete vezes antes, mas deu tudo certo”. Este foi o relato de Emery Augusto após ter arrasado na audição às cegas do “The voice” da Irlanda. O brasileiro de 27 anos, nascido em Nova Iguaçu, se apresentou no último domingo como a drag Emmie Reek no programa e conseguiu a proeza de agradar aos quatro jurados. “Ser reconhecido dessa forma (com ou sem peruca – não importa porque sempre quis cantar, não importa se tenho ou não 3 quilos de maquiagem mal aplicada na cara) é incrível”, escreveu ele em seu perfil no Facebook, logo após sua performance na TV irlandesa.

Emery tentou vaga no “Ídolos” por três vezes sem qualquer sucesso. Há um ano e meio ele se mudou para Dublin, capital irlandesa, e não parou de alimentar o sonho de se tornar um cantor famoso.

Formado em Letras pela UERJ, no Rio, ele fez shows em botecos e chegou a ganhar R$ 50 após quatro horas cantando. “Quem me conhece há mais tempo, sabe que essa luta é de longa data. Sabe que já fui humilhado em rede nacional num outro programa, que já fraquejei, já quis desistir. Sabe que já chorei muito”, descreve ele, que na audição escolheu a música “One and only”, de Adele. Ao virar as cadeiras, os jurados ficaram surpresos ao se deparar com uma drag queen. Algo que também ocorreu no “The voice” brasileiro, na primeira apresentação de Deena Love.