Documentário “Ruas da Discórdia” será lançado nesta sexta (16)

Cinema, No Circuito
13 de outubro de 2020
por Genilson Coutinho
Foto: reprodução

O documentário Ruas da Discórdia, dirigido pelo feirense Gean Almeida e produzido pela mídia preta independente Raízes TV, será lançado no dia 16 de outubro (sexta), às 19h, no canal da Raízes TV (Youtube). A obra, que tem financiamento do Governo do Estado da Bahia pelo mecanismo: Fundo de Cultura da Bahia e do Ato Convocatório: Setorial de Audiovisual 2019 – FCBA – 2/2019, mergulha em dois cenários icônicos de investigação urbana: Salvador, primeira capital do Brasil, e Feira de Santana, segunda maior cidade da Bahia, com a proposta de refletir acerca da representação dos nomes de rua e das personalidades “escolhidas” para identificar os espaços urbanos. O curta documental desdobra seus impactos para a história sócio política brasileira e também os seus reflexos na atualidade.

De acordo com o diretor da obra, “os nomes das ruas, ladeiras e avenidas foram o fio condutor para recontarmos a história do Brasil através do resgate da memória de um passado remoto, com o intuito de causar uma mudança nessa estrutura racista que elege algozes para homenagear e inviabiliza a história do povo . A ideia de produzir uma obra audiovisual sobre os nomes das principais ruas de Salvador e Feira de Santana surgiu por não nos sentirmos representados em ter um espaço público identificado por nomes de personalidades que, em geral, têm em suas biografias, a mancha do sangue das vidas que ceifaram em diferentes contextos históricos brasileiros.”

Para promover o debate e uma proposta de mudanças práticas nos nomes de algumas ruas, a obra reúne depoimentos de personagens sociais de Feira de Santana e Salvador. Além da reflexão sobre as relações étnico-raciais, de gênero e classe na construção toponímica das duas cidades, o curta documental aproveita de elementos da cultura afro-baiana e de recursos como animações e imagens de arquivo para evidenciar o espaço urbano das cidades de Salvador e Feira de Santana. “Vamos utilizar desses conhecimentos históricos para refletir sobre a tentativa de apagamento da nossa história e cultura e a atual conjuntura baiana e brasileira, à luz da sua história, gerando oportunidade de reconstrução da memória histórica das cidades e do País, com a intenção de provocar mudanças nas estruturas e suscitar interesse na população para que busque e aprenda mais sobre a sua própria história”, avalia o cineasta.

Com o objetivo de estimular a universalização do acesso às obras audiovisuais e não limitar e excluir uma grande parte da população brasileira, o documentário conta com recursos de audiodescrição (AD), LIBRAS e Legendas para Surdos e Ensurdecidos (LSE).

A obra documental é resultado do projeto desenvolvido pela Mídia Preta Independente Raízes Tv, coletivo formado por artistas, pesquisadorxs e produtores culturais negros que tem o objetivo de através da pesquisa e do registro audiovisual, construir dispositivos que incentivem o olhar crítico das pessoas sobre as nomeações de logradouros e sua influência no imaginário coletivo da cidade, sua relevância política e social e a possibilidade de se repensar em um novo plano de nomeação e representação das ruas da cidade.

SERVIÇO:

Lançamento do Curta Documental Ruas da Discórdia

Quando: 16 de outubro, às 19h

Onde: Canal do Youtube – Raízes TV: https://www.youtube.com/channel/UCJW-XgoJWxwWraOrCJ9063A

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=MnxH6NfYEDg&feature=youtu.be&ab_channel=Ra%C3%ADzesTV

GRATUITO

Deixe seu comentário

Sem comentários, seja o primeiro.