Dicas de Segurança para 17ª Parada LGBTQ+

Baladas, Música, No Circuito
7 de setembro de 2018
por Genilson Coutinho

Foto: Reprodução Pronews

A parada do Orgulho LGBTQ+ da Bahia , é muito parecida com carnaval, mas é mais colorida, mais bonita e, porque não, mais badalada. No entanto, como qualquer outra grande festa envolvendo um grande número de pessoas, os participantes precisam seguir algumas sugestões para que a diversão não se transforme em uma surpresa desagradável. Pensando nisso, site Dois Terços elaborou uma lista uma lista com dicas de segurança para o público curtir a 17ª Parada do Orgulho LGBTQ+ da Bahia que acontece nesse domingo, 9, a partir das 11h, no Campo Grande . As dicas envolvem proteção em relação a furtos e golpes, mas também aconselham sexo seguro e com proteção.

Confira as recomendações abaixo:

Dicas de Segurança na Parada LGBTQ+
Ao ir para a parada, evite roupas de marca pois atraem atenção dos ladrões. Use roupas simples: abuse das cores do arco-íris!
Leve apenas um documento básico: identidade (fotocópia) e algum dinheiro trocado. Não leve carteira, bolsa, mochila, pasta, cartão de crédito, celular, cheque, jóias, relógio, etc.
Coloque o seu documento e o dinheiro na meia, ou dentro da cueca numa carteirinha ou no fundo do bolso com botão ou coloque um alfinete por dentro para fechar o bolso.

Não leve máquina fotográfica de nenhum tipo, muito menos filmadora. Leve sim uma bandeira do arco-íris ou um cartaz com uma mensagem protesto ou de afirmação LGBTQ+!

Não aceite nenhum tipo de bebida oferecida por estranhos nem deixe sua latinha ou copo com outra pessoa: podem colocar sonífero, facilitando o roubo por parte de marginais.

Quando a PEP é indicada?

Procure se enturmar com algum grupo de conhecidos; se for sozinho para a parada, abra um sorriso para o colega do lado e certamente encontrará boa companhia.

Não aceite provocação, não entre em brigas. Paz é você quem faz.

Prefira usar sanitários químicos no percurso da parada, ou entre num bar, compre um refrigerante e peça para usar o banheiro. Evite urinar ou caminhar em locais escuros, pois oferecem maior risco.

Se você presenciar algum ato de violência (roubo, furto, brigas), se não der para ajudar a conter a violência, procure o policial mais próximo ou o trio elétrico para denunciar.
O que é a PrEP?