Dia Nacional da Visibilidade Lésbica é marcado pela 1ª audiência pública ‘Mais lésbicas no poder’ em Salvador

Notícias
23 de agosto de 2019
por Genilson Coutinho

No dia 29 de agosto de 1996, há 23 anos atrás, ocorreu o 1º Seminário Nacional de Lésbicas (SENALE) e, a partir dessa data, o dia 29 de agosto se tornou o Dia Nacional da Visibilidade Lésbica.

Numa sociedade heteronormativa, misógina e lesbofóbica, o apagamento da sexualidade lésbica e das mulheres bissexuais é uma constante e se apresenta em diversas formas, como a fetichização/objetificação, a negligência de direitos e violências psicológicas/físicas. Este quadro se agrava devido aos poucos dados e índices, o que retroalimenta a invisibilidade dessa população.

Com a necessidade urgente de se combater a invisibilidade, o ódio e a violência contra as mulheres lésbicas na Bahia, e debater com vários setores da sociedade políticas públicas que possam reverter esta situação, será realizado pela primeira vez na história da Assembleia, a audiência pública “Mais lésbicas no poder”, em alusão ao Agosto da Visibilidade Lésbica, na Comissão de Direitos Humanos e Segurança Pública da ALBA.

Data: 27 de agosto (terça-feira)
Horário: 10h
Local: Assembleia Legislativa da Bahia, sala Herculano Menezes, CAB