Daniela Mercury promete show ‘sem economia’ para público do Recife

Sem categoria
9 de maio de 2013
por Genilson Coutinho


“Eu não economizo. No palco, não economizo. Não economizo na vida, não economizo no amor, não economizo é em nada (risos)”. A afirmação é da cantora Daniela Mercury, que conversou por telefone, da Bahia, com a reportagem do G1. É com esse espírito que a baiana desembarca no Recife neste sábado (11), para mostrar que o canto da cidade vai ser dela. Daniela vai animar a edição especial da festa “Odara Ôdesce”, no Baile Perfumado. O show é baseado no DVD “Canibália – Ritmos do Brasil”, que, como o próprio nome já indica, traz uma mistura de vários estilos musicais. O trabalho foi gravado no réveillon da Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, em 2010, com um público de mais de dois milhões de pessoas, e excursionou pela América do Norte e Europa.
Daniela é uma artista que também não economiza em números. São 21 anos de carreira, 14 CDs gravados, 6 DVDs, 15 anos de turnês fora do Brasil e 11 milhões de discos vendidos em todo o mundo. Para apresentação na capital pernambucana, vai trazer os principais sucessos da carreira como “O canto da cidade”, “Maimbê”, “Romeu e Julieta”, “Nobre vagabundo”… “É um show com duração maior. Estou preparando umas duas horas e meia de show. Recife é uma terra de música, é uma terra que eu amo”, declara a cantora, que vai homenagear a cidade cantando músicas dos compositores pernambucanos Lenine e Dudu Falcão, de quem gravou as músicas “No balanço do mar” e “Sou de qualquer lugar”. Se vai ter frevo? “Sim, como ir para Pernambuco e não cantar frevo? Estou com uns frevos lindos como ‘Chão da praça’ e ‘Água do céu’, que gravei em homenagem aos 100 anos do frevo”, conta Daniela.
O show também deverá ter no repertório músicas que não foram gravadas em disco pela cantora, a exemplo de “Mas que nada” (Sérgio Mendes), que ganhou uma versão em ritmo de samba funk e a mais nova “Couché”, lançada durante o carnaval deste ano e que fará parte do novo trabalho da cantora, ainda sem previsão de ser lançado. “Ainda estamos avaliando com a gravadora se vamos lançar um CD físico ou se será digital. ‘Couché’ é uma música de alma muito feminina”, explica.
Para Daniela, a hora de definir um repertório é um “dilema constante na hora de pensar no show”. “Eu começo a colocar as músicas e aí vou lembrando de outras que até então estavam de fora e vou acrescentando, mexendo. Sempre altero. Altero até antes de entrar no palco, no show desse último final de semana, eu inseri uns quatro rocks (risos)…”, afirma a artista, inquieta. Como ela é responsável pela direção artística do show, tem o controle de toda a apresentação na mão. “Outro dia meu filho [Gabriel Póvoa, produtor da turnê] disse: ‘Mãe, ‘O Canto da cidade’ hoje não acabava nunca!’. Nesse dia misturei até com ‘Asa Branca’, do saudoso Gonzagão”, contou. É aguardar as surpresas: a noite especial da Odara Ôdesce traz, além do show de Daniela Mercury, a discotecagem das DJs Allana Marques e Lala K.
Fonte: G1
Serviço:
Odara Ôdesce – Edição especial
Sábado (11), a partir das 22h
Baile Perfumado – Rua Carlos Gomes, 390 – Prado (ao lado do Jockey Clube)
Ingressos: R$ 100, à venda nas lojas Tax e Avesso.
Classificação: 18 anos
Informações: (81) 3033-4747