Como a Natura apoia a conservação de 257 mil hectares na Amazônia

Serviços
6 de setembro de 2018
por Genilson Coutinho

Desde 1999, a Natura se relaciona com comunidades amazônicas para obter ingredientes da biodiversidade, que são usados em Ekos e em várias outras linhas de produtos. Hoje são adquiridas 25 matérias-primas (como óleo de castanha e polpa de açaí) de mais de 4,2 mil famílias da Amazônia, organizadas em 30 comunidades.

 Além de ser pagas como fornecedoras, elas também recebem recursos por meio da repartição de benefícios (leia no quadro abaixo). Essa geração local de renda incentiva as populações a manter seus modos de vida tradicionais e reconhecer que a floresta tem mais valor em pé do que derrubada.

 A partir de metodologias de mapeamento, a Natura calcula em 257 mil hectares a área de floresta que esse modelo de negócios contribui para conservar (o equivalente às cidades de São Paulo e Rio de Janeiro somadas). O número considera o entorno das áreas em que as comunidades vivem e coletam ingredientes – nos destaques ao lado do mapa estão dois exemplos de como os hectares são conservados.