Colóquio internacional reúne feministas e movimentos sociais em Salvador

Sem categoria
25 de julho de 2013
por Genilson Coutinho

Salvador sedia nesta quinta (25) e sexta (26), o colóquio internacional O movimento de mulheres e os partidos de esquerda nos governos da América Latina. Promovido pela Oficina Regional para América Latina e Caribe da Federação Democrática Internacional de Mulheres (ORFDIM), em parceria com a União Brasileira de Mulheres (UBM), o colóquio tem por objetivo discutir o papel dos movimentos feministas e de mulheres diante da nova realidade de governos de esquerda e progressistas na América Latina, seus avanços e contradições. O evento será aberto na quinta (25), a partir das 9hs, na sede do Ministério Público, no Centro Administrativo da Bahia (CAB).

O colóquio contará com representantes de Argentina, Brasil, Cuba, El Salvador, Equador, Uruguai e Venezuela. Serão cerca de vinte mulheres, com atuação no movimento feminista e de mulheres, representantes do movimento social e aquelas que possuem trajetória nos movimentos da sociedade civil organizada e hoje compõem equipes de governos. A primeira mesa da programação debaterá, justamente, a relação entre os governos de esquerda e os movimentos sociais. Entre as organizações parcerias do evento estão as secretarias estaduais de Políticas para as Mulheres (SPM), do Trabalho, Renda e Esporte (Setre), do Turismo (Setur), Bahiatursa, Bahiagás, além do Ministério Público (MP), Central de Trabalhadoras e Trabalhadores do Brasil (CTB).

  Serviço:

O quê: Colóquio internacional “O movimento de mulheres e os partidos de esquerda nos governos da América Latina”.

Quando: Quinta (25/07) e sexta (26/07), das 9h às 14h

Onde: Ministério Público (MP) da Bahia

Endereço: 5ª Avenida, n°750, Centro Administrativo da Bahia (CAB) – Salvador/BA.

Contato: Dani Costa Silva – Coordenadora Geral da UBM- Bahia / Coordenação Nacional da UBM – (71) 8777-1079

PROGRAMAÇÃO

Dia 25 de julho

9h – Abertura

9h40 – Mesa: Os Governos de Esquerda e os Movimentos Sociais

11h – Lanche

11h15 – Debate

13h – Almoço

14h – Mesa: O Movimento Feminista e a Integração Regional

Dia 26 de julho

9h – City Tour

13h – Almoço

14h – Reunião da Oficina Regional da FDIM para América Latina e Caribe

Sobre os proponentes:

Federação Democrática Internacional de Mulheres – FDIM. Entidade fundada em 1945, de atuação internacional, de caráter democrático, anti-imperialista, de promoção da paz e dos direitos das mulheres. Atualmente a FDIM possui 200 organizações filiadas e associadas oriundas de 160 países, que se reúnem regularmente em amplos congressos, cujo objetivo é debater democraticamente os rumos políticos da entidade e a composição de sua diretoria, que tem a tarefa de conduzir a entidade entre um congresso e outro. Além da presidência e das vice-presidências (uma em cada continente), a FDIM ainda conta com as Oficinas Regionais, escritórios de apoio para o desenvolvimento do trabalho mais específico da entidade em âmbito regional — no caso brasileiro, a Oficina Regional para América e Caribe, com sede em Havana, Cuba.

União Brasileira de Mulheres – UBM: Entidade fundada em 1988, de atuação nacional, organizada em todos os estados brasileiros, que congrega milhares de mulheres. Possui sede nacional em São Paulo. Entidade do movimento social, sem fins lucrativos, feminista; luta pela emancipação das mulheres em suas múltiplas dimensões: social, política, etc. É filiada à Federação Democrática Internacional de Mulheres – FDIM.

 Sobre algumas das participantes:

Magalys Arocha Domínguez – Cuba. Integrante do CEDAW/ONU. Coordenadora da ORFDIM.

Nora Castañeda – Venezuela. Presidenta do Banco del Desarollo de La Mujer (Banmujer).

Elizabeth Tortosa – Venezuela. Vice presidenta FDIM América e representante da entidade Participación Activa y Social de Venezuela.

Luzbelia Marín – Venezuela. Do Movimiento Manuelita Sáez (MOMUMA)

Raignild Orta – Venezuela. Da direção do Movimiento Manuelita Sáez (MOMUMA).

Yosmary Guevara – Venezuela. Fuerza Bolivariana de Mujeres.

Elena linares – Venezuela. Secretaria Geral do Movimiento Clara Zetkin.

Andrea Solórzano – Venezuela. Liga de Mujeres de Vargas.

Rosa Salazar – Equador. Asociación de Mujeres Nela Martínez. Conselheira.

Mireya Cárdenas – Equador. Asociación de Mujeres Nela Martínez. Foi Secretaria de Pueblos do Governo do Equador.

Maria Inés Brassescu – Argentina. Presidenta da Unión de Mujeres de Argentina.

Raquel Gillardi – Uruguai.  Presidenta da Unión de Mujeres Uruguayas.

Ana Isabel López de Guevara – El Salvador. Movimiento Salvadoreño de Mujeres.

Delia Cornejo – El Salvador. Movimiento Mélida Anaya Montes.

Maria Liège Rocha – Brasil. Ex-integrante da Secretaria de Políticas para as Mulheres do Governo Federal, é membro da coordenação executiva nacional da UBM e do Comitê de Direção da FDIM.