Coletivo cultural sankofa promove roda de debate sobre projeto de lei que criminaliza a homofobia

Comportamento, Social
13 de julho de 2015
por Genilson Coutinho

Papo_Reto - Coletivo Cultural Sankofa

O Projeto de Lei da Câmara nº 122/2006, que visa criminalizar a homofobia é o tema do próximo “Papo Reto”, uma série de encontros promovidos pelo Coletivo Cultural Sankofa, que será realizado no dia 17 de julho, às 19h30, na sede da Sociedade Amigos de Vila Ré (SAVRE), localizada na zona leste da capital paulista.

A cruel linha tênue entre homossexualidade e violência é o ponto de partida para as rodas de debates propostas pelo Coletivo, levando sempre convidados que possuem uma trajetória de militância pelos direitos da população LGBT. A ideia é criar uma conexão pela oralidade popular, onde todos os presentes têm voz ativa, podendo opinar, esclarecer e informar.

Com o intuito de aprofundar o tema, o convidado desta edição é o graduando em Serviço Social, militante dos Direitos Humanos, membro da Rede Estadual de Adolescentes e Jovens Vivendo com HIV/AIDS de São Paulo, Pierre Freitaz. Com uma longa vivência na causa, foi assessor da Presidência da Associação da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo e membro do Conselho Municipal da Juventude de São Paulo.

Para Rodrigo Mar, um dos coordenadores do projeto, a realização desses encontros ajudará a aproximar o tema da homofobia do público em geral. “De forma descontraída, esperamos contribuir para o esclarecimento e informação da sociedade, auxiliando na desconstrução dos discursos de ódio que alimentam a violência”, aponta.

Para participar da atividade, que é gratuita, não é necessário fazer inscrição, basta comparecer.  No mês de agosto, o tema a ser debatido será a afrohomossexualidade, com o arte educador Ezio Rosa.

A roda de debate “Papo Reto” faz parte do projeto “Quem vai chorar por eles?”, iniciativa do Coletivo Cultural Sankofa, contemplado pelo Programa de Valorização de Iniciativas Culturais (VAI) da Secretaria de Cultura da Prefeitura de São Paulo.

 

PROJETO “QUEM VAI CHORAR POR ELES?”

“Quem vai chorar por eles?” é um projeto que propõe denunciar, por meio de ações artísticas e culturais, a violência sofrida pela população homossexual e a necessidade de discutir a criminalização da homofobia. O Papo Reto é apenas uma das ações. Sarau, sessões de cinema com debate, intercâmbios entre grupos, mostras artísticas e apresentações teatrais são algumas das outras atividades que integram o projeto e serão promovidas ao longo de 2015.

COLETIVO CULTURAL SANKOFA

O grupo paulistano Coletivo Cultural Sankofa é formado por artistas e educadores que, desde 2012, pesquisam e desenvolvem ações voltadas as diversas questões que envolvem a temática dos direitos humanos, tendo como base suas experiências estéticas e políticas.



SERVIÇO:

Papo Reto –  PCL 122 – Criminalização da Homofobia
Data: 17 de julho de 2015 (sexta-feira), das 19h30 às 21h30.
Local: SAVRE – Rua: Pangauá, nº 669, Vila Ré – Próximo à estação Patriarca do Metrô.
Atividade Gratuita
Informações: (11) 98358-6607  – https://ccsankofa.wordpress.com