Cia.Deborah Colker realiza oficinas formativas gratuitas

Sem categoria
7 de agosto de 2013
por Genilson Coutinho

Comemorando seus 20 anos de fundação, a Cia de Dança Deborah Colker chega a Salvador e estreia, dia 10 de agosto, às 21h, na Sala Principal do TCA, o espetáculo Velox. Na manhã de 11/8, às 11h, a mesma montagem se repete, participando do projeto Domingo no TCA. Mas isto é só o começo, pois serão 10 dias de agenda intensa na Bahia. Talentosos bailarinos farão oficinas formativas gratuitas nas cidades de Feira de Santana e Alagoinhas (dia 12/8) e em Valença, dia 13/8. Na capital, a coreógrafa Deborah Colker participa de uma edição extraordinária do projeto Conversas Plugadas que, pela primeira vez, acontece no Centro Cultural Plataforma, dia 13/8, às 14h, com entrada franca. Nos dias 14 e 15/8, às 21h, será apresentado o espetáculo Nó; e dias 17 e 18/8, Tatyana, que encerra a temporada da companhia.

Em cada cidade do interior, 20 pessoas serão selecionadas para cursar as oficinas formativas. As primeiras acontecem no Centro de Cultura Amélia Amorim (Feira de Santana) e no Centro de Cultura de Alagoinhas (mesmo município), dia 12 de agosto, das 10h às 12h. Dia seguinte (13/8), no mesmo horário, uma nova oficina de dança no Centro de Cultura Olívia Barradas, em Valença. Podem se inscrever bailarinos de todas as idades com nível intermediário ou avançado de dança. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas pessoalmente, no local das atividades.

1) OFICINAS FORMATIVAS GRATUITAS

12 de agosto – em Feira de Santana, no Centro de Cultura Amélio Amorim (Av. Presidente Dutra, 2.222, Capuchinhos – Tel.: (75) 3625-0572 | ccamelioamorim@gmail.com)
12 de agosto – Alagoinhas Centro de Cultura de Alagoinhas (Rua Coronel Filadelfo Neves, s/n – (75) 3421-5608 / 3422-1901 | cculturaalagoinhas@gmail.com)
13 de agosto – Valença – Centro de Cultura Olívia Barradas (Rua Maestro Barrinha, s/n, Graça –(75) 3641-3594 / 3643-2280 | ccoliviabarradas@gmail.com)
Horário: Das 10 às 12h
Inscrições: gratuitas, no local.
Vagas limitadas a 20 participantes, conforme seleção dos coordenadores dos centros de cultura.