Cena de sexo gay com Marjorie Estiano é cortada de filme dirigido por diretora baiana

Cinema, No Circuito
28 de maio de 2018
por Genilson Coutinho

De acordo com informações do jornal Extra uma cena de sexo lésbico entre as atrizes Marjorie Estiano e Hermila Guedesno filme “Paraíso Perdido” teria sido cortada do longa para não afugentar pessoas contrárias à homossexualidade das salas de cinema.

A decisão foi tomada pela baiana  Monique Gardenberg, que assina a direção do longa.

A única cena mais quente do casal gay que fará parte da versão oficial do filme é um beijo entre elas.

Ainda segundo a publicação, o corte foi feito para tornar o filme acessível para o grande público de forma mais abrangente.

“Paraíso Perdido” estreia no dia 30 de maio.