AIDS em pauta

  • download (5)

    Entrou em situação de risco durante o carnaval? Saiba como se prevenir do HIV

    Acapa O carnaval é aquela época do ano maravilhosa em que as pessoas aproveitam para extravasar, se divertir com os amigos, encher a cara de bebida e, claro, beijar muito – para dizer o mínimo. É quase um mês de folia – começando em janeiro e findando em fevereiro – que reúne milhões de pessoas veja o post completo…

  • download (5)

    Sesab registra aumento pela procura de testes rápidos

    Com o objetivo de detectar precocemente infecções sexualmente transmissíveis (IST), a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) vem realizando ações de testagem rápida em pleno circuito do Carnaval. Este ano, a procura pelo testes rápidos nos três postos montados (dois em Salvador e um em Porto Seguro) cresceu bastante. Dados registrados até a madrugada desta veja o post completo…

  • download (2)

    Dois milhões de preservativos já foram distribuídos nos circuitos da folia

    Para estimular a prática do sexo seguro durante o Carnaval, a Prefeitura já distribuiu cerca de 2 milhões de camisinhas. A cada mil metros nos circuitos da folia, foi instalado um ponto de distribuição gratuita de preservativos. A estratégia contribui para que seja evitada a gravidez indesejada, bem como o contágio por doenças sexualmente transmissíveis veja o post completo…

  • images (1)

    Especialista alerta para “doença do beijo” e sífilis no Carnaval

    Curtindo o Carnaval da capital baiana pelo quarto ano seguido, a paulista Marcela Lacerda, 28 anos, garante que vai beijar muito durante a folia na companhia das duas amigas. “Não tem como não entrar no clima. Quando você percebe está envolvida, já está beijando. Salvador é uma terra gostosa”, afirma.  Apesar da diversão, é importante veja o post completo…

  • images

    Teste de HIV realizado no carnaval de Salvador detecta 8 casos

    Cerca de 1290 testes rápidos para detecção de doenças sexualmente transmissíveis, foram realizados neste sábado (10), primeiro dia de atuação do projeto Fique Sabendo no Carnaval deste ano. Nos dois postos instalados pela Prefeitura – na Barra e na Carlos Gomes – houve 8 casos de HIV detectados, 44 de Sífilis, 2 de Hepatite B veja o post completo…