Casamento gay cresce 10% no Brasil

Slider
1 de novembro de 2018
por Genilson Coutinho

O casamento entre pessoas do mesmo sexo cresce em ritmo mais acelerado do que a união entre héteros no Brasil. O casamento entre pessoas de sexo diferente caiu 2,3% em 2017 na comparação com o ano anterior. No mesmo ano, houve alta de 10% no casamento homoafetivo. Os dados, retirados das Estatísticas de Registro Civil, foram divulgados nesta quarta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

As mulheres são as que mais formalizam a união entre pessoas do mesmo sexo – representaram 57,5% dos casamentos em 2017.

No Sudeste acontece a maioria das uniões homossexuais (60%). E ainda assim, o número é baixo. Os casamentos gays representam apenas 0,68% de todas as uniões formalizadas na região.

O Norte registra o menor índice de casamentos homossexuais. Foram apenas

Dos 27 estados brasileiros, dezoito apresentaram redução no número de casamentos. Entre 2017 e 2016, o Ceará registrou uma queda de 10%. Por outro lado, o Amapá teve um aumento de 11,1% nas uniões.