Banda Sinfônica formada por crianças e adolescentes do Bairro da Paz completa dois anos nessa sexta-feira (11)

Música
11 de setembro de 2015
por Redação

Banda Sinfônica da Paz 2

Os dois anos de fundação da Banda Sinfônica da Paz, mantida pela Santa Casa da Bahia com a orientação pedagógica do Neojiba (Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia), serão comemorados com a realização do Festival de Talentos, nessa sexta-feira, 11, a partir das 14h, no Programa Avançar – Centro de Referência em Promoção Social e Capacitação do Bairro da Paz.

Regido pelo maestro Esdras Efraim, o grupo ensaiou duas músicas novas para o repertório que será apresentado na abertura do evento. Crianças, adolescentes e adultos que participam das atividades profissionalizantes e de apoio à cidadania ofertadas no Avançar farão apresentações de dança, música, teatro, canto e poesia durante o Festival.

Criada em 2013 com o objetivo de formar jovens músicos em instrumentos de sopro e percussão, a Banda Sinfônica tem como fruto o Coral da Paz, que acolheu meninos e meninas que inicialmente compuseram a Banda, mas que depois apresentaram o desejo de cantar. Ao todo, os dois grupos somam cerca de 140 integrantes com idades de 8 a 18 anos. Em dois anos de experiência, as crianças e adolescentes apresentam maior senso de integração, responsabilidade e apuração musical.

Dois desses jovens apresentaram habilidades especiais e se tornaram bolsistas em duas orquestras. Iuri Carvalho continua sua formação em fagote na Orquestra Castro Alves (OCA) e Marcos Davi da Silva segue estudando trompete na Orquestra Pedagógica Experimental (OPE), ambas coordenadas pelo Neojiba.

A Banda Sinfônica  e o Coral da Paz compõem o NPO (Núcleo de Prática Orquestral e Coral) Bairro da Paz. Os componentes têm aulas de teoria musical, solfejo, prática de coral, iniciação e prática orquestral.

Além de descobrir novos talentos, a iniciativa tem o objetivo de contribuir com ações culturais e, com isso, influenciar de forma positiva a realidade dos moradores da comunidade. Os jovens músicos já se apresentaram no Teatro Vila Velha, na Assembleia Legislativa da Bahia e em diversos eventos promovidos no Bairro da Paz e na Santa Casa da Bahia.