Banda Cortejo Afro recebe o grupo É o Tchan no Ensaio desta segunda-feira (17)

Música, No Circuito
17 de dezembro de 2018
por Genilson Coutinho

Foto: Divulgação

A banda Cortejo Afro realiza mais uma edição do Ensaio, nesta segunda-feira (17/12), no Largo Quincas Berro D´Água – Pelourinho, a partir das 21 horas, e recebe como convidado o grupo É o Tchan.

Durante o show, que tem a direção artística de Alberto Pitta, a banda promete agitar o público com o som de suas composições, mescladas a releituras de canções da MPB, do Pop e da batida percussiva, promovendo experiências estéticas inovadoras que vão unir dança, música e artes visuais em um mesmo espetáculo.

O projeto é uma realização da Entidade Cultural Cortejo Afro e conta com os apoios do Clube Correio e da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia.

Cortejo Afro – Foi criado em 02 de julho de 1998, na comunidade de Pirajá. Sua origem dentro dos limites de um terreiro de candomblé, o Ilê Axé Oyá, sob a inspiração e orientação espiritual da Yalorixá Anizia da Rocha Pitta, Mãe Santinha, atesta toda a sua identidade, autenticidade e força. O Bloco foi idealizado pelo artista plástico Alberto Pitta, que há mais de 35 anos, desenvolve trabalhos ligados à estética e cultura africana. A entidade, envolvida com esta proposta, desenvolve trabalhos sociais junto à sua comunidade durante o ano inteiro.

É O Tchan – Sinônimo de sucesso em todo o Brasil na década de 90, o grupo É o Tchan se tornou um fenômeno musical com mais de 10 milhões de discos vendidos, entre 11 CDs e dois DVDs. Com o swing do pagode baiano, a banda firmou-se como um marco no entretenimento popular e lançou moda encantando gerações, desde a época em que surgiu como “Gera Samba”. Líderes no quesito swing baiano e referência para outras bandas do mercado de entretenimento do pagode, Beto Jamaica e Compadre Washington estão prestes a contabilizar 25 anos de história do grupo.

Serviço:

O quê: Ensaio do Cortejo Afro.

Quando: Segunda-feira, 17/12/2018.

Onde: Largo Quincas Berro D’Água – Pelourinho / Salvador – Bahia.

Horário: 21 horas.

Quanto: R$60,00 (inteira) e R$30,00 (meia-entrada). Vendas antecipadas nos Restaurantes Odoyá e Portal do Pelô (Pelourinho), e na bilheteria do local, no dia do evento.

Abertura: DJ Pimenta

Realização: Entidade Cultural Cortejo Afro.

Apoio: Clube Correio e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia

Site: www.cortejoafro.com.br