Baile Mascarados resgata magia dos antigos Carnavais no Clube Fantoches

Sem categoria
11 de fevereiro de 2011
por Genilson Coutinho

A movimentação no Largo Dois de Julho começou cedo, com muitos carros por todos os lados. No meio da multidão, atores transformistas reinaram do lado de fora do clube. O público mostrou que já está preparado para o Carnaval. A Transalvador marcou presença, distribuindo multas no local.

A noite da última quinta fera (10) marcou definitivamente o retorno do bailes carnavalescos no tradicional Clube Fantoches, situado no largo Dois de Julho. Um grande salão de carnaval com muitas máscaras, serpentinas e alegria foi preparado para receber Os Mascarados.O público que compareceu ao baile fantasiado e muita animação para uma noite que entrou pela madrugada. Márcia Castro e Otto foram os primeiros convidados da festa, que trará nas próximas edições nomes como Lenine, Baiana System, Morais Moreira entre outros artistas.

O baile de Os Mascarados contou com a presença animada e cheia de carisma da classe artística de Salvador, que prestigiou o evento e reafirmou a identificação com o bloco. A presença de notáveis pôde ser notada nos corredores do camarote, que promete ser o ponto de encontro da turma nos próximos encontros. Para senadora Lídice da Mata, participante da festa, “o retorno das festas nos Fantoches é maravilhosa para cidade e para região. Sempre fiz festas aqui neste espaço e celebrei minha vitória aqui. Sou muito fã deste bloco, pois ele traz a energia e alegria de carnavais que não voltam mais.” Ali pertinho do camarote, militantes da causa LGBT coletavam assinaturas para o desarquivamento da PL122, criada pela senadora Marta Suplicy, que propõe o combate a homofobia, o preconceito e forma de violência contra o cidadão.

Para uma das estrelas da noite, a cantora Márcia Castro, “abrir o primeiro baile é uma emoção muito grande, pois essa festa é linda pacifica. Além de tudo, uma celebração da alegria da galera. Sempre gostei da idéia d’ Os Mascarados e vou atrás do trio com minha fantasia e a galera.”

Todas as tribos transitaram na festa, especialmente a comunidade gay fiel seguidora da idéia dos Mascarados. O espaço estava aberto para dançar, beijar e relembrar os ensaios que antecediam a saída do bloco na Barra. Como não poderia deixar de ser, a festa promete ser uma das mais charmosas do verão e certamente, as noites do Clube Fantoches não serão mais as mesmas.

Confira a galeria de fotos do baile aqui

https://picasaweb.google.com/103298851865011485635/BaileMascarad