Australianos criam “super camisinha” 30% mais fina que a convencional

AIDS em pauta, Comportamento, Social
10 de abril de 2016
por Genilson Coutinho

Existem 69 espécies de grama no nosso planeta, e esse é um subliminar sinal dado pela natureza de que a relva, em algum momento, pode estar presente na vida sexual da humanidade. Esse dia chegou. Pesquisadores da Universidade de Queensland descobriram em um tipo de grama encontrada na Austrália uma resina capaz de fazer com que as camisinhas de látex mais finas, resistentes e seguras.

A vegetação foi descoberta em 2008 e, desde então, o cientista de materiais e professor Darren Martin, em parceria com a Australian Research Council, iniciaram um projeto com a esperança de aprender mais sobre as propriedades únicas dessa espécie e como ela poderia ser utilizada em nosso favor. Anos depois, eles descobriram que a nanocelulose extraída da spinifex, como é chamada, melhorou significativamente as propriedades físicas do látex da camisinha.