Notícias

Atriz posta desabafo após ser criticada por ter postado fotos do filho brincando com bonecas

Redação,
23/10/2015 | 09h10

Théo brincando com as bonecas (Foto: Reprodução/ Instagram)

A atriz Carolinie Figueiredo postou na ultima  quarta-feira (21) uma foto do filho caçula, Theo, de 1 ano e 7 meses, brincando com bonecas. Logo depois, ela começou a receber vários comentários pejorativos e de críticas na postagem.

Na quinta-feira (22), Caroline  postou um desabafo dizendo que na criação que dá aos filhos não faz diferente entre Theo e Bruna Luz e que eles podem brincar com o que quiserem.

Leia o desabafo da atriz:

Ontem uma foto que postei no Instagram do meu mais novo brincando com as bonecas da irmã deu o que falar! Apagaram os comentários que nem cheguei a ler mas pelo que entendi a polêmica era pelo fato do menino estar brincando com as barbeis. Aqui em casa educamos sem sexismo que é basicamente promover a educação sem a distinção de funções e permissões baseadas no sexo. Eu, com toda minha cabeça “aberta” com tudo que estudo e leio sobre feminismo e liberdade ainda me pego reproduzindo conceitos machistas tão arraigados em toda nossa sociedade que a gente nem se dá conta! Aqui é uma vigília constante pra entender da onde surgem as limitações e que elas não estejam ligadas ao gênero! A brincadeira favorita dele é ninar bonecas, passear com elas no carrinho. Ele também Nina os animais de pelúcia, veste as roupas antigas da irmã sejam elas rosas ou azuis porque vamos combinar… Que antiga essa categorização das cores né? Que falta de liberdade!!!! Quando crescemos reclamamos que homens são insensíveis, tem dificuldade de mostrar as vulnerabilidades e sentimentos. Quando ainda são crianças repetimos clichês de que “homem não chora”, “esse é macho…”e por aí vai… Enquadramos meninas nos esteriótipos de delicadas e condenamos comportamentos “não de mocinha/ menina” depois sofremos na pele toda repressão de quem somos e justificamos atitudes pelo sexo. Como se pro homem fosse normal ter certos comportamentos e vontades porque afinal, são homens!!!! Chega né gente??? Engolimos durante muito tempo tudo isso e agora como mãe de uma nova geração me vejo na responsabilidade de, ao me transformar como pessoa, revendo meus conceitos e minha pratica, oferecer pros meus filhos mais liberdade e consciência! E o mundo pode ser um lugar mais justo e acolhedor pra se habitar porque não estou sozinha nessa busca, não é mesmo????