Artista cobra pagamento de cachê da 17ª Parada LGBTQ da Bahia

Notícias
16 de janeiro de 2019
por Genilson Coutinho

17ª Parada do Orgulho LGBT da Bahia foi realizada no dia 9 de setembro — Foto: Genilson Coutinho/Divulgação

Scher Marie Mercury resolveu quebrar o silêncio, após mais de 120 dias à espera do pagamento do cachê da 17ª Parada LGBTQ da Bahia.
A cover oficial da cantora Daniela Mercury usou seu perfil no Facebook para fazer a cobrança do pagamento.
A artista havia anunciado que essa cobrança aconteceria , nas famosas lives de cobranças que ela faz no Facebook, é um mecanismo utilizado por  para lembrar os compromissos àqueles que lhe devem, e que levam um tempo para pagar ou esquecem.
Na live, Scher relata que são mais de 120 dias sem uma resposta de quem irá pagar os profissionais que trabalharam. “Venho relatar aqui um problema que já acontece há 120 dias, estou até hoje sem  receber , mas até agora ninguém sabe quem vai pagar. Muitas pessoas me procuram no privado  para não se envolver. Queremos saber quem vai nos pagar, pois não fomos trabalhar de graça. É muita gente, não estou aqui me escondendo, estou aqui para cobrar pelo serviço”, relatou Scher.

Segundo ela, já procurou o presidente do grupo, e foi informada de que “o governo do Estado da Bahia  até agora não pagou, e não sabe se vai pagar”, segundo palavras do presidente do GGB. “A gente precisa tomar uma providência. É muita gente sem receber, eu preciso saber quem vai pagar.”
Na live, um print de uma resposta de Marcelo Cerqueira onde ele relata: “Amigo, o Governo da Bahia não pagou, e parece não ter interesse em pagar”.

Até o fechamento desta noticia não conseguimos falar com o presidente do GGB