Artgay apóia decisão da Senadora Marta Suplicy de pedir reexame do PLC 122

Sem categoria
9 de dezembro de 2011
por Genilson Coutinho

A Articulação brasileira de Gays – Artgay , com a missão de lutar contra o machismo, racismo e homofobia e com 80 ONG afiliadas em todo Brasil encaminhou ofício a Senadora Marta Suplicy pela atitude correta de pedir o reexame do PLC 122 , durante audiencia da Comissão de Direitos Humanos do Senado, neste dia 08/12/20011. A senadora Marta Suplicy (PT-SP) é  relatora do Projeto de Lei da Câmara (PLC) 122, que criminaliza a homofobia.Ao assumir o mandato, no início deste ano, Marta Suplicy desarquivou o projeto, originário da Câmara dos Deputados, onde foi apresentado pela ex-deputada Iara Bernardi em 2001. No entanto, o texto levou cerca de cinco anos para ser aprovado na Câmara até seguir para o Senado, onde a ex-senadora Fátima Cleide conseguiu a aprovação na Comissão de Assuntos Sociais (CAS).

Durante esses últimos meses, Marta, coordenadora da Frente Parlamentar Mista LGBT no Senado, realizou inúmeras reuniões com parlamentares, representantes de um único grupo do movimento LGBT e grupos teocraticos na busca de um consenso em torno do projeto.

A Artgay solicitou a Senadora que além da Rede já convidada para debater o assunto, que ela abra espaços para a Articulação Nacional das Travestis e Transexuais – Antra, Rede Nacional de Transgeneros – Rede Trans, Articulação Brasileira de Lésbicas -ABL, Liga Brasileira de Lésbicas – LGBT, Rede Sapatá, rede nacional de Negros e Negras LGBT, Articulação Brasileira de Gays – ArtGay, Articulação Brasileira de Gays Jovens , Associação Brasileira de Gays – Abragay, Associação Brasileira de Estudos da Homocultura –    ABEH , LGBTs de todas as Centrais Sindicais, LGBTs de todos movimentos populares, Catolicas pelo Direito de Decidir,   …

A Artgay entende que não é possível conquistar o voto de 100% dos parlamentares Federais para a luta contra o machismo, homofobia, racismo e outras intolerancias, mas é preciso consolidar o voto e a credibilidade de 50% + 1 de parlamentares verdadeiramente cristãos ou não  e que são contra a intolerancia e não aceitam mais o Brasil conviver com falta de uma legislação Federal que puna toda forma de preconceito e discriminação, inclusive as cometidas contra LGBT, Idosos, Jovens, Crianças, Mulheres, Evangelicos, Catolicos, Espiritas,  Candombeístas, …

Para a Artgay é preciso isolar os 24 % dos Parlamentares Teocraticos ou Homofobicos que nao querem de forma alguma uma legislação que puna a violencia contra todo  cidadão brasileiro. A Artgay entende que chegou a hora de dar nome aos parlamentares Homofobicos e Teocraticos que tentam instalar no Brasil uma sociedade intolerante, machista, racista, semitista e homofóbica.

A Artgay espera que os Deputados e Deputadas Federais , Senadores e Senadoras Federais digam  em alto e bom som que são Catolicos, Evangelicos, Espiritas, Candobleiistas, Agnosticos, …Mas que respeitam o Estado Laico e nao querem mais compactuar com a violencia contra qualquer cidadão e cidadã brasileira.
Esperamos que outros parlamentares tenham a coragem de uma Senadora Marta Suplicy para assumir  publicamente que lutar por uma sociedade sem homofobia, nao é divergente de lutar por uma sociedade também com liberdade religiosa.

Abaixo os parlamentares Teocráticos.
Abaixo os parlamentares  Homofobicos.

Viva os Deputados/as Senadores/as que querem construir um Brasil livre de todo tipo de preconceito, discriminação e respeito a dignidade de todos os 200 milhões de brasileiros e brasileiras