pré-estreia – Água para Elefantes

Sem categoria
25 de abril de 2011
por Genilson Coutinho

SINOPSE

Baseado no aclamado bestseller, ÁGUA PARA ELEFANTES conta a jornada épica de um amor proibido, que se passa num lugar mágico, repleto de aventura, beleza e grandes perigos.

Um estudante de veterinária de origem humilde, Jacob, encontra e se apaixona por Marlena, artista da época dourada do circo. Eles descobrem a beleza da alegria dos grandes espetáculos, e a compaixão por um elefante especial os torna ainda mais próximos. Contra todas as apostas – incluindo a ira do carismático, mas perigoso marido de Marlena, August – Jacob salva Marlena de uma vida infeliz e, juntos, eles encontram um amor para toda a vida.

Quando ÁGUA PARA ELEFANTES, escrito por Sara Gruen, foi publicado em 2006, tornou-se imediatamente um grande sucesso, figurando por 12 semanas consecutivas na lista dos melhores romances do jornal New York Times. O livro continua a ser um grande sucesso, permanecendo entre os primeiros lugares de vendas. Leitores de todo o mundo encantam-se com a alegria, o amor, a redenção e as transformações vividas pelos personagens criados pela autora Sara Gruen. “ÁGUA PARA ELEFANTES fala do amor em todas as suas formas – entre homens e mulheres, nas famílias e entre pessoas e animais”, diz Gruen. “É sobre as maneiras diferentes como nós tratamos uns aos outros, às vezes bem, outras, não”.

Dentre a legião de fãs do livro, está a atriz Reese Witherspoon. “É uma maravilhosa história de amor, esperança, redenção, de segundas chances e do encontro com a felicidade”, afirma a atriz vencedora do Oscar por Johnny e June. “Eu me senti tão atraída pelo mundo que Sara criou”. Alguns anos depois da leitura do livro, a atriz assumiu o papel da heroína do romance, Marlena, a principal atração de um circo decadente. Com os olhos e cabelos cintilantes de Marlena, sua pele de porcelana, as lantejoulas que a fazem cintilar e brilhar, e sua habilidade de se relacionar com os animais, ela é a bela, natural e graciosa estrela do circo. Mas a vida pessoal de Marlena é um grande contraste à alegria que ela encontra no seu trabalho. Ela está presa num difícil e complexo casamento com o animador e proprietário do circo, August, uma presença autoritária e carismática que pode seduzir ou destruir com igual poder.

O astro de Crepúsculo, Robert Pattinson, é outro admirador dos personagens e do universo ficcional de Sara Gruen. “Alguém me enviou o livro, e eu me me identifiquei imediatamente com ele”, ele lembra. Pattinson depois concordou em retratar nas telas Jacob Jankowski, que após uma tragédia pessoal, vaga sem destino antes de embarcar num trem escolhido ao acaso, que era na verdade o lar do circo Benzini Bros. A abençoada viagem de trem conduz Jacob até Marlena, e ao romance e destino que nenhum dos dois jamais poderia imaginar.

O início da jornada destes adoráveis personagens para a grande tela do cinema começou não muito tempo após a publicação do livro. No final de 2008, o produtor Gil Netter (Marley & Eu) perguntou ao diretor Francis Lawrence (Eu Sou a Lenda) o que ele pensava de adaptar ÁGUA PARA ELEFANTES para o cinema. “Eu li o livro numa tirada”, lembra-se o diretor. “Foi uma experiência tão visceral, e a história se passa num mundo tão rico e cheio de detalhes. Eu amei a emoção e os personagens do romance”.

Lawrence se deteve principalmente no relacionamento entre Marlena e Jacob e na recriação do mundo mágico que a autora detalhou tão ricamente em seu livro. “O relacionamento entre Marlena e Jacob que nós construímos no filme é realmente um dos aspectos que eu mais gosto”, ele explica. “É um romance delicado que acontece aos poucos. Eu acredito que Jacob se apaixona instantaneamente pela beleza, magia, força e confiança de Marlena. Mas Marlena está vigilante, ela não confia em muitas pessoas. Jacob começa a quebrar a resistência dela, e se transforma em alguém completamente inesperado no mundo de Marlena. Eu acho que ela se apaixona pelo senso de moral dele”.

Como outros personagens que já resgatou dos livros para as telas, Lawrence mergulhou no mundo dos grandes circos. “Eu sempre me senti intrigado pelos circos, especialmente aqueles grandiosos, das décadas de 1920 e 1930”, ele diz. “Havia algo especial em relação a eles – a fumaça dos trens, as belas tendas de lona, as elegantes performances e os animais exóticos”.

O diretor Lawrence e o produtor Erwin Stoff apresentaram o projeto para o notável roteirista Richard LaGravanese, indicado ao Oscar por O Pescador de Ilusões, convidando-o para adaptar o livro para o cinema. Eles estavam conscientes dos desafios e das responsabilidades de confiar a alguém a história e os personagens por quem tinham tanto carinho, e das dificuldades de transformar as 400 páginas do romance em um roteiro. Lawrence explica: “Esta foi a primeira vez em que eu trabalhei com um roteirista na adaptação de um livro, e nossa determinação era tentar ser o mais fiel possível aos seus temas, ao seu tom e às suas nuances. É importante que alguns momentos decisivos do livro sejam transportados para o filme, mas grande parte deste trabalho é não só interpretar o material original, como criar novas idéias”.

O roteirista LaGravanese comenta: “Quando um livro é muito admirado, é importante atender à expectativa dos leitores, mas ao mesmo tempo é preciso compreender que, quando se lê um livro, você está vendo e ouvindo os personagens na sua cabeça, e todos os leitores têm em suas mentes as suas próprias versões deles. Quando você assiste o filme com pessoas reais, ele se torna literalmente uma versão do livro, e há certas idéias que funcionam no livro, mas não funcionam no cinema”.

Sob a direção de Lawrence, LaGravanese aprimorou o roteiro retrabalhando várias versões. O objetivo principal da dupla, diz LaGravanese, foi “deixar os três personagens principais mais ativos, e reinventar o passado de Marlena e August. Nós queríamos que as motivações de cada personagem fossem bem compreendidas, já que, moralmente, determinar quem está certo e quem está errado é um pouco mais complexo. Ninguém é 100% inocente”.

Reese Witherspoon entusiasmou-se com a proposta. “Marlena é uma órfã que estava trabalhando como costureira numa loja de roupas onde August a descobre quando o circo visita a sua cidade”, ela explica. “Ele fica cego de paixão por Marlena, convida-a para juntar-se a ele no circo e se transforma numa espécie de Svengali, treinando-a para ser amazona e artista. Marlena troca sua vida de pobreza por uma oportunidade de glamour e fama – mas existirão conseqüências para a sua escolha. August, também, não tem família, e construiu para si uma vida recuperando um circo decadente e transformando-o num dos maiores espetáculos da sua época.

Entre as licenças poéticas da produção com o livro incluem-se combinar dois personagens da escritora Gruen – August, o marido de Marlena, que no romance é o principal treinador de animais do circo, com Uncle Al, o abusivo e violento proprietário do circo. “Combinar August e Uncle Al transformou August num personagem mais perigoso, o que é sempre positivo”, diz LaGravanese. O roteirista também retrabalhou e enriqueceu o modo como o idoso Jacob (interpretado por Hal Holbrook, indicado ao Oscar por Na Natureza Selvagem) narra a história de suas experiências com o Circo Benzini Bros. e de seu relacionamento com o amor de toda a sua vida, Marlena.

A autora Sara Gruen ficou impressionada com a adaptação. “Eu considerei que as mudanças (no roteiro) foram brilhantes, ela diz. “Escrever um roteiro exige habilidades completamente diferentes daquelas necessárias para se escrever um romance. Francis e Richard pegaram algo que leva aproximadamente 14 horas para ser lido e transformaram em um filme que pode ser visto em duas horas. E eles, certamente, não reduziram a história.”

Mesmo antes de o roteiro começar a ser escrito, Reese Whiterspoon tornou-se a primeira atriz a integrar o elenco de ÁGUA PARA ELEFANTES. “Reese foi uma parceira verdadeiramente criativa na primeira fase de concretizar o projeto, diz Lawrence. “Ela contribuiu tanto com o filme e com a personagem de Marlena. Reese é uma atriz fantástica, bonita e jovem, ama animais – e é audaciosa; ela se dispõe a tentar qualquer coisa. Marlena é um pouco mais durona e endurecida, ela não é vítima de August ou de quem quer que seja. Reese, também, pode ser muito forte.”

Diferente de Marlena, Jacob teve uma vida protegida com seus amorosos pais. Mas às vésperas de se graduar na faculdade de veterinária da Universidade Cornell, o mundo de Jabob desabou quando ele soube da morte dos pais num acidente de carro. Emocionalmente e financeiramente destruído, Jacob é forçado a desistir da faculdade. Ele parte para uma viagem, sem direção. Impulsivamente, ele embarca no trem que transporta o Circo Benzini Bros. Quase sete décadas depois, pensando naquele momento do destino, o agora idoso Jacob se pergunta: “Fui eu que peguei o trem, ou foi o trem que me pegou?”

Sem ter quaisquer outros planos, Jacob junta-se à trupe. A princípio, o jovem que antes contava com a proteção da família, sente-se perdido e até mesmo temeroso pela sua vida, entre o caos, as cores e o perigo que o cercava. Jacob começa sua carreira no Circo Benzini Bros. abaixo até dos simplórios brutamontes encarregados das tarefas manuais diárias do trabalho no circo. Quando August, o animador e chefe do circo, descobre sobre o passado de estudos de veterinária de Jacob, ele o promove ao cargo de responsável pelos cuidados médicos com os animais. A promoção, por sua vez, aproxima ainda mais Jacob de Marlena, a estrela principal do espetáculo. A atração que ele sente por Marlena é imediata e eletrizante. “Jacob percebe a beleza e o carisma de Marlena imediatamente”, o ator Robert Pattinson diz. “Ele também percebe a forte ligação dela com os animais com os quais trabalha durante as suas performances. E essa é outra de suas afinidades.

Fã confesso do livro, Pattinson ficou ainda mais intrigado sobre a adaptação do filme quando leu o roteiro. “De alguma maneira, parece que Francis e Richard conseguiram abrilhantar ainda mais a história”, diz o ator. O diretor Francis Lawrence se convenceu de que Pattinson era a escolha certa para o papel depois que eles dois conversaram sobre o projeto por várias horas. “Robert é Jacob Jankowski”, afirma o cineasta. “Foi difícil encontrar um jovem de 23 ou 24 anos que não parecesse muito jovem para o papel. Robert já é um homem. Ele é atencioso, inteligente, atraente, forte e confiável”.

A forma rápida com que Pattinson sacou o personagem foi impressionante. “Jacob é misterioso e quieto; ele é um observador”, diz o ator. “Ele está sempre olhando as pessoas, tem uma relação intuitiva com animais e uma profunda compreensão da natureza humana”.

Todas essas características e habilidades de Jacob vêm à tona quanto mais próximo ele fica de Marlena. A princípio, ela prefere manter distância do novato, mas quando ele ajuda a cuidar do cavalo preferido de Marlena, que estava doente, eles compartilham um momento de intimidade e ternura que nenhum dos dois pode negar. Mas há uma poderosa presença – quase uma força – que se coloca entre eles: August, a quem os empregados dele chamam, com uma mistura de medo e respeito, “Senhor e Mestre do Universo Conhecido e Desconhecido”. Um líder autoritário e carismático, August dirige o circo ora como um tirano, ora como um carinhoso patriarca. Da mesma maneira, seu amor e sua bondade em relação a Marlena podem se transformar – num piscar de olhos – em abuso, raiva e numa impenetrável escuridão. Quando Jacob testemunha esse lado obscuro de August, ele decide fazer tudo o que estiver a seu alcance para libertar Marlena da tirania do marido de uma vez por todas.

A atriz Reese Witherspoon elogia Christoph Waltz, vencedor do Oscar de Ator Coadjuvante por seu trabalho em Bastardos Inglórios, por “realmente mergulhar até o fundo da escuridão de August. Ele faz um trabalho extraordinário interpretando os dois lados contrastantes do personagem”. O diretor Lawrence acrescenta ainda: “Christoph veio até nós com tanto amor pelo personagem e pela história, quanto pelo mundo do circo e pelos temas retratados no filme. Ele era perfeito para o papel por causa de seu charme eletrizante e de sua dureza. Ele traz uma combinação decisiva de inteligência, perspicácia e humor ao personagem.”

Waltz hesita em falar demais sobre sua interpretação de August, ele prefere deixar que o público veja o filme, seu trabalho e julgue por si mesmo o personagem. Mas agora, depois de interpretar um animador e treinador de animais, o elogiado ator sente-se mais à vontade para falar sobre sua admiração por aqueles que ganham a vida treinando nossos amigos de quatro patas. “Eu não teria a paciência de treinar um animal, e acabei sendo também quase impaciente ao interpretar um treinador de animais”, brinca Waltz. Eu admiro Gary Johnson (treinador do elefante que mais aparece no filme), ele é calmo, centrado e paciente. Ficar perto de Gary me deixou mais calmo e centrado, e eu pude observar e aprender”, comenta o ator rindo.

Entre as performances memoráveis do mágico mundo do circo, a estrela que brilha em primeiro lugar é a elefanta Rosie, que mede 2,7 metros, e chega a pesar em torno de quatro toneladas. August compra Rosie, ex-atração de um circo que sucumbiu aos tempos difíceis da época – como um último recurso para salvar o show do Circo Benzini Bros. Mal sabia ele que a nova atração animal não só traria o êxito financeiro que ele tanto queria, como iria ser o elemento catalisador que levaria Marlena e Jacob a ficarem juntos.

Quem interpreta Rosie é Tai, uma elefanta de 42 anos veterana nas telas do cinema (Uma Herança da Pesada, O Livro da Selva), que mora em Perris, na Califórnia, com seu treinador Gary Johnson, da Have Trunk Will Travel Inc.®, uma organização dedicada a possibilitar ao público o acesso seguro, educacional e recreativo a elefantes. Tai foi um sucesso instantâneo entre o elenco e a equipe de produção, que ficaram maravilhadas não apenas com as habilidades da elefanta para atuar, como também com a calma e gentileza gigantescas da “colega” em meio ao caos controlado e ao alvoroço do set de filmagens.

Reese Whiterspoon, que atua na maioria das cenas com Tai, criou laços especialmente fortes com a elefanta. As duas começaram a trabalhar juntas muito antes das câmeras começarem a rodar nas locações do filme, em Piru, na Califórnia. Durante três meses, antes do início das filmagens, Reese e Tai trabalharam, como diz a atriz “praticamente tudo que seria usado no filme, desde o movimento em que a Tai me levanta no ar até o número em que eu dou um salto mortal nas costas dela”. Mesmo as mais simples interações eram um desafio. “Eu não sou muito grande, e a Tai não é muito pequena”, brinca a atriz. “Eu tive que aprender como pisar e passar pelo seu tronco de maneira que conseguisse me elevar até o dorso dela. Foi muito complicado, mas eu finalmente consegui. Foi uma das minhas maiores conquistas!” A experiência de quando estudou na “escola de circo” também ajudou a atriz no trabalho com cavalos e trapézio.

Tai também não ficou imune ao considerável charme de Robert Pattinson, e a elefanta freqüentemente “flertava” de maneira divertida com o ator, que costumava esconder guloseimas na sua roupa para que Tai encontrasse. O sentimento era mútuo. O ator diz: “O comportamento de Rosie é tão fascinante que enriquece a experiência dos personagens no contato com ela. E foi assim que eu me senti trabalhando com Tai. Eu nunca tinha estado próximo de um animal tão grande, tão gracioso e tão carinhoso com as pessoas”.

Os produtores tiveram um cuidado especial com Tai durante a filmagem das cenas em que August tem comportamento abusivo com Rosie. A equipe de efeitos visuais e o treinador da elefanta, Gary Johnson, criaram métodos engenhosos para simular os golpes de Christoph Waltz em Rosie para parecerem reais – bem como a reação de Rosie a esses ataques ficcionais – com mágicas digitais e uma série de posições e posturas de Tai, especialmente treinadas por Johnson. A elefanta nunca foi atingida de verdade pelos golpes. “Nós nunca usamos sequer um chicote ou laço com Tai”, afirma o diretor Lawrence. “O laço nunca ficou em qualquer lugar sequer próximo dela”. A Associação Americana dos Direitos dos Animais (American Human Association) monitorou essa e todas as outras cenas filmadas com animais.

Você pode ser nosso convidado.

Mande um e-mail para doistercos@globo.com dizendo por que você merece ser nosso convidados .

Promoção valida até as 12h do dia 26 de abril.

Serviço:

pré-estreia ÁGUA PARA ELEFANTES

Data: 26/04 (terça)

Horário: , às 21h

Local: no UCI Orient Shopping Iguatemi.