Agnaldo Timóteo assume que já se relacionou com homens

Notícias
26 de outubro de 2017
por Genilson Coutinho

No documentário “Eu, Pecador”, dirigido por Nelson Hoineff, Agnaldo Timóteo assumiu pela primeira vez que já se relacionou com outros homens durante sua vida. “Agnaldo é o tipo de pessoa que pode ter romance com outro homem e ainda assim ser homofóbico. Não é personagem. Esse é ele mesmo. Contraditório e interessante. Inicialmente, ele não queria falar sobre. Mas o convenci. Agnaldo é mais do que isso. Expliquei que falar sobre o assunto jamais seria algo prejudicial. E ele se abriu, contando até para qual pessoa determinadas músicas foram feitas”, contou o diretor em entrevista ao “R7”.

O cantor, que sempre foi discreto em relação à sua vida pessoal, relevou inclusive que teve um relacionamento com um ex-chefe de gabinete, que hoje é casado e tem filhos, e o homem exigiu que a cena fosse retirada do filme. “Eram cinco segundos, se muito. Foi um romance que ele teve quando esse homem tinha 19 anos. Tiramos, porque não prejudica o resultado final”, explicou Nelson, que passou um ano ao lado de Agnaldo Timóteo durante sua campanha eleitoral para vereador do Rio de Janeiro em 2016, para realizar o documentário.

O filme “Eu, Pecador” será exibido na Mostra de Cinema de São Paulo nos dias 27, 28 e 29 de outubro e 1º de novembro e mostra as lutas internas de Agnaldo Timóteo com os próprios desejos, segundo Nelson. “Sempre soube que expor a vida dele era algo delicado. Mas ele não só fez isso, como contou a real inspiração de cada música, numa sinceridade e sensibilidade que só o Timóteo consegue transparecer“, revelou o diretor.