Afrobapho, Trapfunk e Okwei Odilo fazem shows com preços simbólicos no Panorama Coisa de Cinema

Música, No Circuito
12 de novembro de 2018
por Genilson Coutinho

Shows e festas que botam todo mundo para dançar até altas horas já são uma tradição do Panorama Internacional Coisa de Cinema. Nesta edição, é a cantora nigeriana Okwei Odili quem dá início à programação musical, dia 14 de novembro, no foyer do Espaço Itaú de Cinema Glauber Rocha, com ingressos vendidos por R$ 2,00. Radicada em Salvador, a artista se apresentará, a partir das 22 horas, acompanhada da banda Aweto, com repertório formado por trabalhos autorais em estilos africanos e versões vibrantes de músicas nacionais.

No encerramento do festival, dia 21 de novembro, às 23h, a festa fica por conta dos coletivos Afrobapho e TrapFunk&Alivio e também terá ingressos por R$ 2,00. Formado por jovens LGBT, o primeiro integra diversas formas de arte para movimentar corpos e mentes em uma perspectiva antirracista e de confronto ao padrão heteronormativo. Criado por DJs e produtores de Amaralina, o segundo coletivo mistura letras, pontos e bases de funk com aa linguagem do trap para constituir uma música que dialoga com seu entorno.

Uma realização da produtora Coisa de Cinema e do Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura e sua Secretaria do Audiovisual; o XIV Panorama acontece de 11 a 17 de novembro em Cachoeira (Cine Theatro Cachoeirano) e de 14 a 21, em Salvador.  O festival conta com patrocínio da Ancine, do Fundo Setorial do Audiovisual e do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul; além do apoio financeiro do Governo do Estado da Bahia, via Fundo de Cultura.