Acusado de matar o jornalista Jorge Pedra foi absolvido nesta terça-feira (21)

Sem categoria
21 de agosto de 2012
por Genilson Coutinho


O acusado de matar o jornalista Jorge Pedra foi absolvido nesta terça-feira (21) em seu julgamento realizado no 2º Tribunal do Júri do Fórum Ruy Barbosa.
Segundo informações do Tribunal de Justiça (TJ-BA), Emerson Neves de Jesus negou o crime e foi absolvido pelo juiz Vilebaldo de Freitas por falta de provas. O julgamento iniciou por volta das 8h30 e foi finalizado às 17h30. Na época da investigação, chegou a confessar o crime.
O crime aconteceu no dia 1º de novembro de 2009 depois que o jornalista e apresentador de TV Jorge Luis Lopes Pedra se negou a pagar R$ 500 após ter relações sexuais com Emerson, que era garoto de programa. Diante disso, os dois brigaram e Emerson teria esfaqueado Jorge Pedra na região torácica e na cabeça. Depois, segundo denúncia, ele teria jogado a vítima, nua, para fora do apartamento em que estavam no Hotel Democrata, no Largo Dois de Julho.
Segundo o inquérito policial, o apresentador de TV era frequentador assíduo do hotel. “Empregados do Hotel Democrata relataram que a vítima já havia utilizado o local mais de uma vez na companhia de Emerson, sendo que este sempre escondia o rosto, o que dificultou as investigações policiais”, disse o promotor de Justiça, Ariomar Figueiredo.
Emerson foi denunciado pelo Ministério Público estadual por homicídio qualificado (cometido por motivo fútil), cuja pena pode chegar a 30 anos de reclusão. A denúncia foi oferecida à Justiça pelo promotor Ariomar.Com informações do Correio da Bahia