Abertas as inscrições para o VI Encontro Nacional de Adolescentes e Jovens Vivendo com HIV/Aids

Sem categoria
3 de abril de 2013
por Genilson Coutinho

A Rede Nacional de Adolescentes e Jovens Vivendo com HIV/Aids – RNAJHVA vai realizar este ano seu sexto encontro nacional. As inscrições para o evento, que acontecerá de 10 a 13 de julho, em Brasília – DF. Os interessados em participar do VI Encontro Nacional de Adolescentes e Jovens Vivendo com HIV/Aids – ENJAHVA pode se inscrever até o dia 26 de abril.

Inicialmente, poderão se inscrever adolescentes e jovens soropositivos que tenham entre 12 e 29 anos e atendam aos critérios de seleção estabelecidos pela organização do evento. Estão sendo oferecidas 125 vagas – 25 por região. Para se inscrever basta preencher e enviar a ficha de inscrição que está disponível no site da RNAJVHA (www.jovenspositivos.org.br)  para o e-mail encontro@jovenspositivos.org.br.

As fichas de inscrição serão encaminhadas para os coordenadores regionais e estaduais da Rede de Jovens, que irão definir localmente os participantes de cada estado. A lista dos participantes selecionados  será divulgada até o dia 01 de maio de 2013, no grupo virtual da RNAJHVA (e-group). Os participantes inscritos também serão comunicados do resultado por e-mail.

O evento vai custear as despesas com hospedagem, alimentação e traslado (aeroporto/hotel) durante os dias do VI ENAJHVA. O custeio de passagens aéreas e terrestres será de responsabilidade de cada participante, que deverá se articular com as coordenações municipais e estaduais de DST/Aids para o financiamento da viagem até Brasília e a volta ao seu estado de origem.

O Encontro Nacional da RNAJVHA é o espaço para a interlocução, troca e avaliação de experiências entre jovens vivendo com HIV e Aids. É também um momento para que os jovens possam descobrir possibilidades de atuação frente aos desafios locais, conhecer e se articular com outros jovens e com as redes já existentes de luta contra a epidemia. Ainda no evento são escolhidos as representações nacionais da Rede de Jovens.

O evento é financiado pelo Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, com apoio do Departamento de Apoio à Gestão Participativa, também do MS.