A Copa das Confederações terá Observatório Racial

Sem categoria
15 de junho de 2013
por Genilson Coutinho


A Secretaria da Reparação – Semur tem realizado palestras de qualificação sobre racismo e xenofobia com os voluntários cadastrados pelo Escritório Municipal da Copa – Ecopa e que servirão como mediadores para relatos e abordagens no Observatório da Discriminação Racial na Copa das Confederações.

Na última quinta feira 13, a Semur se reuniu com a Defensora Pública Drª. Bethânia Ferreira para tratar sobre a parceria no Observatório Racial na Copa das Confederações e hoje (14), o subsecretário da Reparação, Cláudio Abdala, tem encontro marcado no Ministério Público, com o Drº Cícero Ornelas. Na segunda (dia 17) será a vez dos funcionários da Ouvidoria Geral do Município participarem de uma qualificação sobre o papel do órgão nas ações do Observatório durante o evento esportivo.

Observatório da Discriminação Racial

A Prefeitura do Salvador, através da Secretaria da Reparação (Semur) com o apoio doEscritório Municipal da Copa (Ecopa), estará monitorando os casos de racismo e xenofobia durante a Copa das Confederações com o Observatório da Discriminação Racial. A ação, que funcionará nos mesmos moldes da atividade realizada há oito anos no Carnaval de Salvador, contará com
o apoio dos
voluntários cadastrados pelo Ecopa
na divulgação das informações.
No período da competição, a população poderá fazer denúncias de ações discriminatórias quanto ao gênero e raça que possam acontecer nos dias do evento, junto aos observadores ou através do número 156. Os casos serão registrados e a Semur levará as situações para as autoridades competentes, além de produzir o relatório com o balanço das ações.