A Borracharia e Roger N roll – 10 anos de música pra dançar

No Circuito
8 de junho de 2015
por Genilson Coutinho

No dia 12 de junho, a festa dos namorados será para comemorar os 10 anos desse relacionamento que anima as noites de sextas dos baianos e turistas

FullSizeRender

Com dez anos animando as sextas d’A Borracharia, o DJ Rogern’roll não poderia deixar a data passar em branco e resolveu fazer a festa desse relacionamento dançante dia 12 de junho. No Dia dos Namorados, os amantes, paqueras, ficantes e solteiros, vão comemorar o aniversário com direito a surpresas, bolo e muita música pra dançar.

Inclusive nesta trajetória de dez anos o Dj Roger N Roll já tocou em vários casamentos, cujo os casais se conheceram na Borracharia.

Famosa por ser um lugar inusitado para fazer uma balada, a Borracha, como é intimamente chamada pelos seus fieis frequentadores, é um fenômeno em Salvador. A danceteria que realmente já funcionou como uma
oficina durante o dia, há 12 anos é uma das mais animadas opções para se divertir na noite Soteropolitana. Depois da meia noite, os mecânicos e borracheiros com suas ferramentas e pneus, foram trocados pelos DJ’s equipados com boa música, sons diferentes e uma pista de dança, que ferve até o sol raiar.

A história de Roger com a Borracharia começou quando, segundo ele, descobriu o segredo da felicidade: transformar a paixão avassaladora pela música em uma fonte prazerosa e inesgotável de trabalho. Há 10 anos, o DJ que junto com a casa, garante lotação nas sextas, começou fazendo a farra no aniversário de uma amiga e apresentou ao público
sua seleção de discos de vinil, fazendo o maior sucesso. Nesta seleção, música boa para dançar não tem nacionalidade, mas pela sua experiência, pode afirmar: “a música brasileira atinge algum local exclusivo no ser humano provocando emoções e reações peculiares aqui e em qualquer lugar do mundo”. Assim, misturando muita musica brasileira com outros estilos inusitados o Dj Roger N Roll formatou a pista de dança mais sedutora da capital baiana.

“Dos discos de vinil da minha coleção pessoal, independente do estilo, as misturas iam rolando como por exemplo uma faixa do Led Zepellin depois um mambo do Perez Prado, uma do Adoniran Barbosa e um samba
canção do Chico Buarque, surpreendendo os já satisfeitos roqueiros presentes e agradando em cheio as chicas mais hermosas do salão. Foi aí que descobri a fórmula perfeita para uma boa pista de dança. Seleciono uma música para os barbados e três para as senhoritas destilarem os seus perfumes no salão”, explica melhor.

Para a festa da sexta-feira, dia 12 de junho, a Borracha vai receber pra essa festa muitos convidados especiais, que já dividiram as pickups com o Dj, boas surpresas, um público animado e a energia incomparável da casa. No final com certeza uma música que não faltará é a música mais tocada nesses 10 anos: Nostradamus, do Eduardo Dusek.
“Essa é a última música que aperto o play às 5h da manhã, para encerrar a festa”, conta.

Se a previsão de Nostradamos não se completou, aproveite e compareça, ainda dá tempo de participar de um recorde de atuação na noite baiana, quiçá da noite brasileira: há 10 anos, toda sexta-feira, um Dj, mantém ativa e com a lotação esgotada, uma pista de dança em uma casa noturna em Salvador.

SERVIÇO – Borracharia e Dj Roger – 10 anos de música para dançar
Dia: Sexta-feira, 12 de junho
Horário: Meia – noite
Local: A Borracharia – Rua Conselheiro Pedro Luís, Rio Vermelho.
Entrada: R$20, 00 (mulher) e R$30,00 (Homem)