4 homens são presos na Arábia Saudita por viverem como casais

Notícias
28 de janeiro de 2016
por Genilson Coutinho

Quatro homens foram detidos na Arábia Saudita por estarem vivendo como se fossem casais, o que é proibido no país do Oriente Médio.

Segundo o site local Sabq, as prisões foram feitas pela Comissão para a Promoção da Virtude e Prevenção do Vício, que pertence à homofóbica e retrógrada polícia religiosa do país.

Fontes próximas à Comissão contaram à publicação, na terça-feira, 26: “À medida que os membros da polícia religiosa chegaram ao apartamento, eles foram vistos por dois dos gays que tentaram se livrar dos seios falsos que estavam vestindo.”

“Os membros da Comissão prenderam os outros dois gays dentro do apartamento. Os quatro admitiram que estavam vivendo como casais casados. O primeiro casal disse que eles se casaram há dois dias em um centro recreativo ao sul de Riad e que ainda estavam em sua lua de mel. O segundo casal disse que eles celebraram seu casamento na semana passada. Os quatro disseram ter usado o apartamento como sua residência.”

Vídeos com celebrações do casamento foram encontrados no local e se tornaram um viral no país. A publicação relata que foram achados também “vários vestidos de mulher, bolsas, sapatos, perucas e peitos falsos”.

A Arábia Saudita é um dos piores países do mundo para os homossexuais. A pena pode ser prisão, chicoteamento e até a morte.

Do Parou Tudo