21 mulheres trans foram presas na Malásia este mês

Notícias
1 de novembro de 2015
por Genilson Coutinho

A Malásia continua intolerante aos LGBT. Desde que o Tribunal Federal restabeleceu a proibição de cross-dressing, no início deste mês, 21 transgêneros foram presos, segundo uma entidade arco-íris.

A proibição da Sharia, lei muçulmana, teoricamente seria aplicada somente às pessoas que seguem o Islamismo, mas não é isso o que está acontecendo, de acordo com o Justice for Sisters.

“Uma vez que a decisão do Tribunal Federal restabeleceu a Seção 66, incursões e detenções tiveram lugar em Kuala Lumpur, Penang e Terengganu, desencadeando uma onda de medo entre a comunidade transgênero para caminhar livremente”, disse o grupo.

Do Parou Tudo